Um incêndio destruiu uma exploração animal e carbonizou um touro, anteontem à noite no lugar do Crasto em Salreu, Estarreja. As autoridades suspeitam que o fogo tenha origem criminosa.



"Não se compreende como é que o estábulo onde estava o animal começa a arder, porque existe electricidade neste local e choveu toda a tarde", afirmou ao CM Emanuel Gomes, dono da exploração. O incêndio foi detectado cerca das 21h00. Rapidamente as chamas alastraram a toda a exploração que ficou reduzida a cinzas.

"Além das instalações destruídas, morreu o touro, que já estava negociado com um comprador. São milhares de euros de prejuízos que não estão cobertos pelo seguro", acrescentou Emanuel. O fogo foi combatido pelos bombeiros de Estarreja.

cm