O presidente da câmara de Gaia anunciou hoje que os utilizadores de bicicleta como meio de deslocação para o trabalho poderão reduzir a sua fatura da água e reaver o investimento num prazo de 18 meses.

«Será um projeto de mobilizar as pessoas para a utilização da bicicleta ou, atendendo à dificuldade de cidades como Porto e Gaia, de veículos que tenham o mesmo tipo de carga não poluente», explicou Luís Filipe Menezes no final da cerimónia comemorativa do visitante número 2,5 milhões ao Parque Biológico de Gaia.

O objetivo é o de «induzir um novo comportamento ambiental» e «introduzir uma taxa negativa benévola pró ambiental», salientou o autarca.

Diário Digital / Lusa