José Filipe Mesquita, de 29 anos e residente na freguesia da Bela, em Monção, está internado, em estado grave, no Hospital de Viana do Castelo, depois de ter sido esfaqueado, na noite de quinta-feira, por Abílio Pereira, um amigo de longa data.



Ao que o CM apurou, Abílio, de 37 anos e da freguesia de Riba de Mouro, desconfiou que a esposa, de 40, mantinha uma relação com José Filipe e, após longa discussão, desferiu-lhe quatro facadas no peito, tendo uma delas atingido os pulmões. "Eles eram amigos inseparáveis e o meu filho nunca andou com a mulher dele. Mas lá se lhe meteu aquilo na cabeça e olhe no que deu", disse Maria Pereira, mãe de José Filipe.

A esposa de Abílio Pereira, mãe de quatro filhos, trabalha há três meses na casa de um idoso, no lugar do Marco, freguesia da Bela, a metros da casa em que José Filipe reside com os pais. Essa proximidade e o facto de ambos falarem com alguma frequência fez com que Abílio Pereira perdesse a cabeça.

"Quando um homem fala com uma mulher isso não quer dizer que sejam amantes", referiu Maria Pereira, realçando que Abílio cometeu "um acto tresloucado". O agressor foi identificado pela GNR, sendo impossível, ao fecho da edição, confirmar a detenção de Abílio.

cm