Surpreenderam a vítima dentro de casa, em Cachada, S. Julião, Valença, cerca das 22h00 de sábado. Encapuzados e com grande violência, os dois assaltantes amarraram o idoso, de 82 anos, à cama, usando cabos eléctricos. Fugiram com uma motosserra, uma máquina de sulfatar, um anel e ainda um relógio. A vítima só conseguiu soltar-se doze horas depois, e apresentou queixa na GNR.



O idoso não consegue explicar a origem do crime. Disse às autoridades que, quando se apercebeu, já estava a ser agarrado pelos assaltantes. Agredido, ficou preso enquanto a dupla o roubava.

Logo após o assalto, os ladrões escaparam sem deixar rasto. Ferido e com pouca mobilidade, o idoso conseguiu soltar-se e gritou por ajuda, já ontem de manhã. Uma vizinha da vítima chamou a GNR e uma ambulância. O homem precisou, inclusive, de levar vários pontos no lábio. O caso passou para a alçada da PJ.

cm