Roupas escuras e capuz na cabeça, três homens armados invadiram a Staples do Montijo, anteontem, meia hora antes de a loja fechar portas. Os funcionários viveram autênticos momentos de terror ao serem ameaçados de morte pelo grupo, que obrigou uma das vítimas a abrir o cofre. Antes de abandonarem as instalações, destruíram as caixas registadoras para roubar todo o dinheiro.



O alerta para o roubo na loja de equipamentos para escritório, localizada na Zona Industrial do Pau Queimado, no Afonsoeiro, caiu na GNR cerca das 18h30. Na loja, que encerra às 19h00, não estaria nenhum cliente quando os três homens entraram no espaço de armas em punho.

"Entraram nas instalações com duas armas de fogo e dominaram os funcionários. Depois obrigaram um deles a abrir o cofre e retiraram o dinheiro que havia, cujo montante está ainda por apurar", explicou ao nosso jornal fonte da Guarda.

Na posse do recheio do cofre do escritório, os três assaltantes destruíram ainda as máquinas registadoras da loja – que atiraram ao chão para as gavetas se abrirem e conseguirem também levar todo o dinheiro. O grupo fugiu do local a pé, para parte incerta.

A GNR acorreu logo de seguida ao local e tomou conta da ocorrência. Por se tratar de um assalto com recurso a armas de fogo, a investigação transitou para a Secção de Roubos da Polícia Judiciária.

As instalações da Staples estão protegidas por um sistema de videovigilância a cobrir o espaço. O circuito de câmaras terá captado todos os minutos que durou o assalto – essencial para ajudar a identificar o grupo. Os três assaltantes continuavam ontem a monte.

cm