É sabido que os militares são, por vezes, sujeitos a determinados exercícios físicos e treinos extremamente exigentes, desafiando, frequentemente, os seus limites físicos e psicológicos.



Veja-se o caso de um grupo de soldados arménios, os quais foram obrigados a comer cobras e peixes vivos quando realizavam um exercício num quartel de Erevan, capital do país.

A extraordinária performance foi registada, no sábado, pelo repórter fotográfico Karen Minasyan. Assim, enquanto uns se ‘deliciaram’ com viscosas cobras, outros ‘preferiram’ peixes bem vivinhos...

cm