Conhecermos a nossa rede permite que detectemos os dispositivos que a ela estão ligados e os serviços que estão disponíveis por cada um desses dispositivos. Podem ainda detectar utilizações indevidas e dispositivos não autorizados nessa mesma rede.

As aplicações dedicadas a este fim, por norma limitam-se a mostrar as máquinas que estão na rede, não dando mais funcionalidades. O PortScan, da NZ, é uma ferramenta que leva estas funcionalidades um pouco mais longe.



O PortScan é uma aplicação dedicada principalmente à analise dos dispositivos disponíveis numa rede. Podemos descobrir quais os que a ela estão ligados, quais os serviços que têm acessíveis e muito mais informação.

Podem adicionar a estas funcionalidades ferramentas de monitorização e performance da vossa rede ou máquina.

A interface do PortScan está dividida em quatro separadores distintos e onde cada uma das funções é disponibilizada. No primeiro separador podem encontrar a função principal do PortScan. A pesquisa de dispositivos numa rede.

Basta que indiquem qual a rede que pretendem pesquisar, dado o endereço IP de início e de fim, e o PortScan procura dispositivo a dispositivo, mostrando para cada um dos detectados os serviços que cada tem disponíveis. MacAddress, nome, portos abertos, serviços disponíveis e shares de rede são mostrados de forma simples e agrupados por equipamento.

O segundo separador permite ter informação similar, mas mais simples. Não necessitam de indicar qualquer rede pois o PortScan procura as máquinas que detecta na rede e mostra serviços associados a estas.



No terceiro separador podem começar a medir a qualidade da vossa rede ou da vossa ligação à Internet. Está disponível a medição dos tempos de ping para o endereço que definirem.

Existem três modos distintos para efectuarem esses pings. O primeiro com recurso a três pedidos, o segundo mais intenso e por fim o que fica a enviar pedidos até indicarem que deve terminar.

A informação mostrada nessas medições mostra o número de pings enviados, o numero de pedidos recebidos e os tempos de resposta (mínimo, médio e máximo).



Por fim temos o separador onde podemos testar a velocidade do nosso acesso à Internet. Aí podem escolher servidores para que sejam realizados testes de velocidade, protecção da Firewall.

Os resultados são mostrados para cada um dos testes aos diferentes destinos e alguns mostram velocidades de download e upload ao passo que outros apenas mostram o download.



Todos os resultados que o PortScan vos apresenta, em qualquer dos separadores, pode ser exportado para XML para posterior consulta ou para registo.

Usem o PortScan para detectarem portos abertos na vossa rede, dispositivos a ela ligados ou para testarem a qualidade desta.

É uma ferramenta simples de usar e que não requer qualquer instalação. Basta lançá-la e começar a pesquisar a vossa rede. Usem-na para verificar a vossa rede, nunca se sabe quando não vão encontrar surpresas

pplware