Um casal italiano foi condenado por manter relações sexuais em público. Mas apresentou uma boa justificação: fizeram-no na rua porque todos estavam em casa a ver o jogo da selecção italiana.



O caso remonta a 2006, quando a Itália disputava os quartos-de-final do Campeonato do Mundo na Alemanha. O homem e a mulher, na altura com 60 e 40 anos de idade, respectivamente, decidiram concretizar a fantasia e manter relações sexuais em plena rua. E tiveram um raciocínio lógico: todos estariam em casa a ver a partida e ninguém andaria pela rua, pelo que tudo decorreria com naturalidade.

Mas enganaram-se. Pelos vistos, alguém partilha o desinteresse pelo futebol e o caso acabou em tribunal. O casal foi condenado por obscenidades em público, e, apesar da explicação, foi condenado. Recorreu para o Supremo, mas voltou a perder.

Dentro de campo, a Itália venceu a Ucrânia por 3-0 e sagrou-se campeã mundial.

cm