O violador que nos últimos meses espalhou o terror na cidade de Viseu ao atacar, com uma faca, adolescentes na rua, já está em prisão preventiva por decisão do juiz. A PJ do Centro anunciou ontem a detenção do suspeito, de 20 anos, por ter violado uma adolescente de 16 anos num WC público. Mas as autoridades continuam no terreno e acreditam que possa estar envolvido em mais dois casos de violação que ocorreram nos últimos meses na cidade.



O crime por que foi detido agora pela PJ ocorreu em Maio, no parque do Fontelo. Vítima e violador conheciam-se por terem amigos em comum. Não tinham qualquer relacionamento, mas o violador já tinha proposto, mais do que uma vez, à vítima, para manterem relações sexuais. A rapariga sempre recusou. Em Maio, após um encontro casual numa zona de restauração, o suspeito, desempregado, fez questão de a acompanhar. Ao passarem no parque do Fontelo, forçou-a a entrar numa casa de banho pública, ameaçou-a com uma faca e violou-a.

A jovem estudante apresentou queixa na PSP e o agressor foi notificado para fazer exames. Acabou agora detido após investigação da Polícia Judiciária. O suspeito, solteiro, residente em Mangualde, não tem antecedentes criminais.

cm