Quando estava a sair do seu Mercedes C220, o agente da PSP, já reformado, foi surpreendido pelo assaltante armado com uma pistola, ontem, cerca da 01h00, em Massamá, Sintra. Um outro ladrão aguardava num jipe. O polícia, 59 anos, atirou o computador portátil contra a arma do assaltante, fazendo-a cair ao chão.



Perante a resistência, os ladrões puseram-se em fuga.

O ataque deu-se quando o ex-agente estava a estacionar o carro à porta de casa. Os assaltantes, encapuzados, aguardavam no interior do jipe pela saída da vítima. Só um saiu do carro para roubar o condutor. Com a pistola em punho, exigiu a entrega da chave do carro. O polícia, ao ser abordado, reagiu, lançando o computador que trazia consigo na direcção da pistola, evitando o roubo.

Depois da tentativa de assalto, a vítima, que estava sozinha, apresentou queixa na esquadra da PSP de Massamá. No entanto, a investigação do caso já está entregue à secção de roubos da Polícia Judiciária. Ao que o CM apurou, a dupla é responsável por pelo menos dois carjackings naquela zona. Aliás, o jipe utilizado pelos assaltantes foi roubado através do mesmo método. Ontem, à hora de fecho da edição, os ladrões ainda estavam a monte.

cm