O presidente venezuelano Hugo Chávez chegou ontem a Cuba para novo tratamento médico, desta vez destinado a combater as sequelas da radioterapia a que foi submetido no início do ano.

Segundo a imprensa venezuelana, Chávez tem-se queixado de fortes dores nos ossos, uma consequência comum da radioterapia, e vai submeter-se a um tratamento de oxigenação hiperbárica, que consiste na administração de oxigénio puro numa câmara selada.

Em comunicado enviado ao Parlamento, Chávez garantiu que estará de volta antes de 10 de Janeiro, data da tomada de posse para o seu segundo mandato.

cm