Renato Seabra condenado por homicídio

O português Renato Seabra foi hoje condenado em Nova Iorque por homicídio em segundo grau, pelo assassínio confessado do cronista social Carlos Castro, em Janeiro de 2011, num hotel da cidade.A decisão dos jurados foi comunicada ao Tribunal nova-iorquino após mais de seis horas de deliberações, cabendo agora ao juiz ditar a sentença.
Seabra assistiu à leitura da sentença de cabelo rapado, sentado junto aos seus advogados e vigiado por quatro polícias.

Fonte: Lusa/SOL