Um doente com problemas cardíacos, Fernando Cunha, de 49 anos, acusa o Hospital de Santa Marta, em Lisboa, de não lhe fazer um angio TC, exame necessário para saber o resultado da colocação de dois bypass a que se submeteu.

A administração do Centro Hospitalar Lisboa Central, que inclui o Hospital de Santa Marta, afirma ao CM que o equipamento "esteve inoperacional", mas que os pedidos de exames "considerados urgentes" foram realizados fora do centro hospitalar. A mesma fonte adianta que a avaria está já resolvida.

Fernando Cunha não se conforma com o atraso de mais de dois meses desde que a médica prescreveu o exame. "Como alternativa, tenho de fazer uma angiografia, que causa mais sofrimento e não fornece toda a informação clínica necessária", afirma.

O estado de saúde de Fernando, que vive no Cadaval, agrava-se de dia para dia: cansa-se facilmente, o que o impede de ter uma vida normal. A doença obrigou-o a reformar-se: era empresário nos transportes.

cm