Portugal é o 33.º país menos corrupto, de acordo com o ranking da transparência, que analisa os países em função da corrupção existente.


Embora esteja melhor classificado, em termos de transparência, do que países do Euro como Itália (72.º) e Grécia (94.º), Portugal tem uma maior percentagem de corrupção face a países como França (22.º) e Espanha (30.º).


Dinamarca, Finlândia e Nova Zelândia ocupam o topo do ranking, sendo considerados os países «mais limpos». No fim da classificação estão o Afeganistão, a Coreia do Norte e a Somália, tidos como os países mais corruptos, onde se verificam casos de abusos de poder e relações secretas.


O ranking dos países em função da corrupção existente, que analisa um total de 176 países, foi revelado hoje pela organização não governamental (ONG) Transparency International.








a bola