A empresa que detém a marca automóvel britânica vai fazer um aumento de capital para reforçar o investimento e competir com os fabricantes de super desportivos dos grandes grupos automóveis.

A Investindustrial está perto de assinar um acordo para adquirir 37,5% da Aston Martin Lagonda, através de um aumento de capital que vai avaliar a marca Aston Martin em 750 milhões de libras esterlinas (922 milhões de euros), segundo noticia a edição on-line do “Financial Times”.

O acordo vai permitir que os accionistas da fabricante britânica dupliquem o investimento previsto para os próximos quatro anos, para que o grupo continue a competir com marcas como a Ferrari e a Lamborghini, que pertencem a grandes conglomerados e partilham tecnologias bem como custos relacionados com investigação e desenvolvimento.

O grupo europeu que vai entrar no capital da Aston Martin vendeu, recentemente, a marca de motos Ducati à Audi, do grupo Volkswagen, por 1,1 mil milhões de euros. Uma operação em que encaixou o triplo do investimento inicial.

“O factor crítico para a Aston Martin é o investimento – ter a capacidade de investir em novos produtos e plataformas”, disse o responsável de previsão de vendas da LMC Automotive, Jonathon Poskitt, ao Financial Times. “Se não investir, arrisca-se a ficar para trás da concorrência.”



Fonte: Jornal de Negócios