O plano dos cinco assaltantes era fazer explodir mais uma caixa ATM, agora na Alta de Lisboa, na madrugada de ontem. Mas foram surpreendidos pela PSP, e três deles acabaram detidos na fuga depois de perderem o controlo de um Audi A4 roubado. Dois estão a monte.

Um dos assaltantes apanhados sentiu-se indisposto e a ambulância que depois o transportava ao Hospital de Santa Maria envolveu-se numa colisão que fez oito feridos: o suspeito, o polícia que o acompanhava, dois elementos do INEM, e quatro pessoas de uma família que seguiam no outro veículo.

O gang já tinha colocado o fio eléctrico na ranhura das notas da caixa ATM do Banif na avenida Nuno Krus Abecassis, às 04h00, quando acabou surpreendido.

Deixaram o fio e uma bateria de carro – detonador – e fugiram no Audi roubado já há vários dias. A fuga acabou na avenida Dr. Alfredo Bensaúde, na zona da Portela de Sacavém, quando se despistaram numa rotunda. Os três assaltantes detidos, pela Divisão de Investigação Criminal da PSP, sob coordenação da Unidade Especial do DIAP, acabaram na esquadra dos Olivais.

A ambulância que levava um deles ao hospital embateu num ligeiro, no cruzamento entre as avenidas Gago Coutinho e Estados Unidos da América. Oito pessoas ficaram feridas, mas sem gravidade. Os detidos, suspeitos de outros assaltos do género, serão hoje levados ao juiz.

cm