Há semanas que não fazem outra coisa: três cães neozelandeses estão a aprender a conduzir numa escola própria do país.

Os animais, que tinham sido abandonados, revelaram particular argúcia nos treinos que estão a ter e que envolvem rodar o volante, usar mudanças e acelerar ou travar.

O objectivo de ‘Monty’, ‘Porter’ e ‘Ginny’ é actuarem numa gala de solidariedade para mostrarem como são inteligentes. Até agora, segundo a BBC, têm-se saído bem nos esforços.

“Há muito trabalho a fazer e para o cão tudo começa com ter a ideia do que está realmente a acontecer”, disse o treinador Mark Vette.

Mas tem havido alguns sustos: há um par de dias, um dos ‘alunos’ acelerou demasiado e quase atropelou o treinador…

cm