Dezoito alunos da EB 2/3 de Vialonga sofreram ontem uma intoxicação alimentar. Dois deles, menores de idade, tiveram de receber assistência no hospital de Vila Franca de Xira.

Os estudantes queixaram-se de vómitos, dores abdominais e má disposição depois de consumirem pizas, que, dizem, foram encomendadas na Telepizza do Forte da Casa, freguesia de Vila Franca de Xira. A subchefe da pizaria, Sueli Gonçalves, afirmou ao Correio da Manhã "não ter recebido informação" sobre eventuais problemas com as pizas ali feitas, nem da escola nem dos pais, bombeiros ou outra entidade.

"Quando há uma eventual suspeita, enviamos para análise os alimentos para confirmação ou não de algum problema", afirmou. Filipa Gomes, 13 anos, e o colega de turma João Alves, da mesma idade, continuavam ao final da noite na Urgência pediátrica a receber medicação.

cm