O Governo espanhol deu a aprovação para venda da participação de 13,23% no Hispasat , que foi realizada pela Telefónica. Os compradores são Abertis, que vai ficar com 7,23%, e Eutelsat, que vai adquirir uma% 5,99.

A operação teria assumido que a Eutelsat exerceu o direito de preferência como acionista Hispasa t para manter parte do pacote de títulos da Telefónica. E, como apontado pelo operador, em um evento significativo em fevereiro, a telco havia chegado a um acordo com a Abertis para vender sua 13,23%. O montante da transacção ascendeu a 124 milhões de euros a Telefónica, por meio de sua filial Telefónica conteúdo, percebida em dinheiro após o fechamento da transação.

Após a execução da venda, Abertis continua como acionista majoritário da Hispasat com uma participação de 40,62%, enquanto a Eutelsat elevou sua participação para 33,68%. Não exercício do direito de preferência, Abertis teria colocado sua participação em um 46,62% 27,69% da Abertis.

O acordo ainda deve ser aprovado pelas autoridades da concorrência. Além disso, no caso da Eutelsat, a venda deve ser autorizado a realizar administrativos investimentos estrangeiros em Espanha em atividades diretamente relacionadas com a defesa nacional.

Agora, o próximo passo pode ser a venda das ações que têm a SEPI Inta (Ministério da Defesa), (dependente de Finanças) e CDTI (economia dependente), que juntos somam 25,68% Hispasat capital. Fontes familiarizadas com o processo explicou que a Abertis fez uma oferta para adquirir este jogo, mas acrescentou que o Governo ainda não tomou qualquer decisão.