Sector da construção voltou a cair em Novembro

O sector da construção continua em queda com os dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) divulgados hoje a confirmarem uma retracção na produção de 19,3% em Novembro quando comparado com o mesmo mês de 2011.
Segundo dados divulgados hoje pelo INE, o índice de produção na construção apresentou, em Novembro de 2012, uma taxa de variação homóloga de -19,3%, o que compara com a redução de 18,0% observada em Outubro.
Os dois segmentos considerados, construção de edifícios e engenharia civil, registaram agravamentos das respectivas variações homólogas, que se fixaram em -16,9% e em -21,3% em Novembro, mais intensas em 1,8 pontos percentuais (p.p.) e em 0,9 p.p. que as observadas em Outubro.
Em termos de volume de emprego, o sector da construção diminuiu 19,0% em termos homólogos quando a variação em Outubro foi de -18,4%. Quando comparado com o mês anterior, o índice de emprego registou uma taxa de variação de -2,2% (-1,4% em Novembro de 2011).
O índice de remunerações efectivamente pagas pelo sector da construção decresceram 20,3%, em termos homólogos, contra os -21,4% em Outubro.
Face ao mês anterior, o INE refere que as remunerações aumentaram 20,8%, devido a uma maior concentração de pagamento de subsídios que ocorre habitualmente neste período.

Fonte: Lusa/SOL