Especialistas revelam ao CM como devem os pais lidar com o despertar da sexualidade dos filhos. Para ler no CM

A adolescência é um período conturbado na vida de rapazes e raparigas, mas também dos pais. Ao início da vida sexual, associam-se um número interminável de dúvidas que, muitas das vezes, não passam de mitos infundados.

Pode-se engravidar na primeira relação sexual? É verdade que dói? O momento certo para perder a virgindade é aos 14, 15 ou só aos 18? São apenas alguns exemplos das perguntas a que a psicóloga Maria Jesus Correia responde, como coordenadora do serviço de psicologia da Maternidade Alfredo da Costa, em Lisboa.

"As raparigas procuram mais os nossos serviços do que os rapazes. Por norma, elas são mais preocupadas com os cuidados que devem ter no início da vida sexual, enquanto eles são mais pró-activos na procura dessa iniciação", explicou a psicóloga ao Correio da Manhã.

A procura de esclarecimentos surge, na maioria dos casos, já após a primeira relação sexual. No entanto, o número de raparigas em busca de conselhos antes da ‘primeira vez’ está a aumentar. "Elas perguntam muito quando é a altura ideal para começar a ter sexo. Sentem-se pressionadas pelo namorado que ameaça deixá-las se não o fizerem, são as amigas que já fizeram e acham-se diferentes por isso", acrescentou Maria Jesus Correia, dando conta que "muitos adolescentes já têm noção dos métodos contraceptivos que querem, mas não os sabem usar".

Quem, por norma, acaba sempre por sofrer com o crescimento dos filhos são os pais. E, segundo a psicóloga, há-os para todos os gostos. "Temos pais que têm muita dificuldade em lidar com a sexualidade dos filhos adolescentes. Muitos fazem de conta que não é nada com eles, outros dão-lhes liberdade total e dizem que confiam no comportamento dos filhos e outros que não dão liberdade nenhuma", comentou, aconselhando aos pais "um diálogo aberto e adequado a cada idade".

É que a sexualidade não é só o coito, e as perguntas incómodas surgem desde tenra idade. "Tanto faz se recorremos à história da semente ou da cegonha. A verdade é que há muitos pais que não lidam bem com a própria sexualidade e isso reflecte-se nos filhos. Quando a conversa surge e não há um à-vontade para responder, existem vários serviços de apoio", concluiu Maria José Correia.

PERGUNTAS & RESPOSTAS

O que é a puberdade?

É o período que ocorre nos primeiros anos da adolescência e marca as grandes transformações corporais no rapaz e rapariga. Nas meninas ocorre entre os 8 e os 13 anos, com o crescimento do peito, o aparecimento de pêlos púbicos e a primeira menstruação. Nos rapazes, o início da puberdade dá-se entre os 9 e os 10 anos, com o crescimento dos testículos e o adelgaçamento do escroto.

O que são sonhos molhados?

Na sua maioria são sonhos de cariz sexual/erótico e que podem terminar numa ejaculação. A ejaculação nocturna também ocorre pela produção de esperma, pelas glândulas sexuais, associada à pressão fisiológica sem que exista um sonho erótico/sexual.

A masturbação faz mal?

Não. O acto da auto-estimulação é um comportamento que faz parte da sexualidade humana ao longo da vida, embora na adolescência possa ser mais frequente.

Com que idade se inicia a vida sexual?

Não existe uma idade para a primeira vez. Tudo depende da segurança, desejo e sentido de responsabilidade de cada adolescente. Nem o rapaz nem a rapariga se devem sentir obrigados a ter a primeira relação sexual, se não for essa a sua vontade.

RISCO EM 50 POR CENTO DOS JOVENS

Cerca de metade dos jovens portugueses admite já ter feito sexo sem qualquer protecção, segundo um estudo feito em 29 países de todo o mundo.

cm