Página 1 de 5 1 2 ... Último

Tópico: Nascar

  1. #1

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão NASCAR Sprint Cup,-2010

    Confira o grid completo para as 500 Milhas de Daytona ,este domingo


    1. Mark Martin - Chevrolet
    2. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet
    3. Jimmie Johnson - Chevrolet
    4. Kasey Kahne - Ford
    5. Kevin Harvick - Chevrolet
    6. Tony Stewart - Chevrolet
    7. Kyle Busch - Toyota
    8. Juan Montoya - Chevrolet
    9. Clint Bowyer - Chevrolet
    10. Kurt Busch - Dodge
    11. Regan Smith - Chevrolet
    12. Elliott Sadler - Ford
    13. Jamie McMurray - Chevrolet
    14. Martin Truex Jr - Toyota
    15. AJ Allmendinger - Ford
    16. Joey Logano - Toyota
    17. Ryan Newman - Chevrolet
    18. Marcos Ambrose - Toyota
    19. David Ragan - Ford
    20. David Reutimann - Toyota
    21. Jeff Gordon - Chevrolet
    22. Brian Vickers - Toyota
    23. Greg Biffle - Ford
    24. Matt Kenseth - Ford
    25. Denny Hamlin - Toyota
    26. Brad Keselowski - Dodge
    27. Carl Edwards - Ford
    28. Mike Bliss - Chevrolet
    29. Michael McDowell - Toyota
    30. Scott Speed - Toyota
    31. Max Papis - Toyota
    32. Paul Menard - Ford
    33. John Andretti - Ford
    34. Robby Gordon - Toyota
    35. Travis Kvapil - Ford
    36. Sam Hornish Jr - Dodge
    37. Robert Richardson Jr - Ford
    38. Boris Said - Ford
    39. Jeff Burton - Chevrolet
    40. Bill Elliott - Ford
    41. Joe Nemechek - Toyota
    42. Bobby Labonte - Chevrolet
    43. Michael Waltrip - Toyota

    Não se classificaram:

    Casey Mears - Chevrolet
    Todd Bodine - Toyota
    David Gilliland - Toyota
    Terry Cook - Dodge
    Derrike Cope - Dodge
    Aric Almirola - Chevrolet
    Dave Blaney - Toyota
    Reed Sorenson - Toyota
    Mike Wallace - Dodge
    Norm Benning - Chevrolet
    Jeff Fuller - Toyota

  2. #2

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão N A S C A R Nationwide Series 2010:

    Tony Stewart vence em Daytona

    Tony Stewart é o rei de Daytona, ao menos na Nationwide Series. O piloto da Stewart Haas obteve neste sábado a sua terceira vitória consecutiva no circuito de 2,5 milhas, que recebeu a etapa de abertura da divisão de acesso à NASCAR Sprint Cup. Foi também a quinta vitória dele em seis anos.

    Carl Edwards foi o segundo colocado. Kyle Busch, pole position e atual campeão da categoria, envolveu-se em acidente na última volta com o desafeto Brad Keselowski, terminando em 18º.

    Kevin Harvick ficou com a posição final no pódio. Justin Allgaier, Brian Vickers, Paul Menard, Joey Logano, James Buescher, Kasey Kahne e Steve Wallace completaram o top ten.

    A maior atração da prova foi a estreia de Danica Patrick, que fará alguns eventos selecionados da Nationwide em 2010. A piloto da Formula Indy abandonou a corrida após se envolver em acidente, tendo completado 69 das 120 voltas.
    » Veja abaixo os melhores classificados na prova:
    1. Tony Stewart Chevrolet 195 pontos (120 voltas)
    2. Carl Edwards Ford 175
    3. Kevin Harvick Chevrolet 170
    4. Justin Allgaier Dodge 160
    5. Brian Vickers Toyota 155
    6. Paul Menard Ford 150
    7. Joey Logano Toyota 146
    8. James Buescher Chevrolet 142
    9. Kasey Kahne Toyota 138
    10. Steve Wallace Toyota 139
    11. Brian Keselowski Dodge 130
    12. Michael Annett Toyota 127
    13. Tony Raines Chevrolet 129
    14. Brad Keselowski Dodge 126
    15. Scott Riggs Ford 118
    Última edição por barril; 28-02-2010 às 20:30.

  3. #3

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão McMurray vence a confusa Daytona 500


    Jamie McMurray conquistou sua primeira vitória na Daytona 500 de maneira dramática, dando à Earnhardt Ganassi Racing seu primeiro triunfo desde que as duas equipes se uniram. A prova demorou seis horas para ser completada, depois de dois períodos de bandeira vermelha devido a um buraco na pista na curva 2.

    McMurray começou o sprint final na primeira fila ao lado de Kevin Harvick, que era o líder quando a bandeira verde foi agitada pela última vez e parecia bem posicionado para obter sua segunda vitória na Daytona 500.

    No que foi a segunda tentativa de uma chegada em bandeira verde-branca-quadriculada, McMurray passou Harvick por fora graças a um grande empurrão de Greg Biffle, da Roush Fenway, e então segurou Dale Earnhardt Jr. para garantir sua terceira vitória em superspeedway na primeira corrida de retorno à sua ex-equipe.

    Earnhardt foi agressivo nas voltas finais, abrindo caminho rumo à frente para lutar pela ponta, mas não conseguiu seu segundo triunfo na Daytona 500. Biffle terminou em terceiro à frente de Bowyer, enquanto Harvick, que parecia ser o favorito após liderar o maior número de voltas e estar na frente na última relargada, perdeu o vácuo depois que McMurray o ultrapassou e chegou em sétimo.

    A corrida foi interrompida duas vezes por um buraco no asfalto na curva 2, a primeira na volta 122 e em seguida na volta 159. Os danos aparentemente causaram os problemas de pneu do atual campeão Jimmie Johnson e de John Andretti, e os comissários paralisaram o evento em ambas as ocasiões para fazer os reparos.

    A primeira tentativa de reparar os danos extendeu o primeiro período de bandeira vermelha para uma hora e 41 minutos. A prova recomeçou, mas precisou ser interrompida novamente, já que os reparos começaram a ceder, com um pedaço danificando o Chevrolet de Clint Bowyer. A corrida ficou paralisada por mais 45 minutos antes do conserto permitir que fosse até sua distância total.

    Jimmie Johnson abandonou no final com um eixo traseiro quebrado e ficou em 35º, enquanto Kasey Kahne, que venceu o segundo Duelo de classificação na quinta-feira, se envolveu em um incidente na primeira tentativa de chegada em bandeira verde-branca-quadriculada e terminou em 30º.


    Resultado final da Daytona 500:

    1. Jamie McMurray - Chevrolet, 208 voltas
    2. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet, 208
    3. Greg Biffle - Ford, 208
    4. Clint Bowyer - Chevrolet, 208
    5. David Reutimann - Toyota, 208
    6. Martin Truex Jr - Toyota, 208
    7. Kevin Harvick - Chevrolet, 208
    8. Matt Kenseth - Ford, 208
    9. Carl Edwards - Ford, 208
    10. Juan Montoya - Chevrolet, 208
    11. Jeff Burton - Chevrolet, 208
    12. Mark Martin - Chevrolet, 208
    13. Paul Menard - Ford, 208
    14. Kyle Busch - Toyota, 208
    15. Brian Vickers - Toyota, 208
    16. David Ragan - Ford, 208
    17. Denny Hamlin - Toyota, 208
    18. Michael Waltrip - Toyota, 208
    19. Scott Speed - Toyota, 208
    20. Joey Logano - Toyota, 208
    21. Bobby Labonte - Chevrolet, 208
    22. Tony Stewart - Chevrolet, 208
    23. Kurt Busch - Dodge, 208
    24. Elliott Sadler - Ford, 208
    25. Boris Said - Ford, 208
    26. Jeff Gordon - Chevrolet, 208
    27. Bill Elliott - Ford, 208
    28. Robby Gordon - Toyota, 208
    29. Travis Kvapil - Ford, 205
    30. Kasey Kahne - Ford, 202
    31. Robert Richardson Jr - Ford, 202
    32. AJ Allmendinger - Ford, 198
    33. Michael McDowell - Toyota, 195
    34. Ryan Newman - Chevrolet, 193
    35. Jimmie Johnson - Chevrolet, 185
    36. Brad Keselowski - Dodge, 174
    37. Sam Hornish Jr - Dodge, 160
    38. John Andretti - Ford, 117
    39. Regan Smith - Chevrolet, 90
    40. Max Papis - Toyota, 89
    41. Marcos Ambrose - Toyota, 79
    42. Mike Bliss - Chevrolet, 76
    43. Joe Nemechek - Toyota, 64

  4. #4

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Jamie McMurray fica com a pole em Fontana


    Jamie McMurray está em grande fase na NASCAR Sprint Cup. Vencedor das 500 Milhas de Daytona, o piloto da Earnhardt Ganassi Racing estabeleceu também o melhor tempo no treino classificatório para a segunda etapa no California Speedway, em Fontana. É a quarta pole position dele na carreira.

    McMurray fez o tempo de 39s185, a uma média de 183.744 milhas por hora. O colombiano Juan Pablo Montoya, que ainda busca a sua primeira vitória em circuito oval, completa a dobradinha da Earnhardt Ganassi com 39s242.

    Clint Bowyer, da Richard Childress Racing, fez o terceiro tempo, seguido por Kasey Kahne e Dave Blaney. O tetracampeão Jimmie Johnson fez o sétimo tempo, largando ao lado de Sam Hornish Jr. e atrás de Kevin Harvick.

    Casey Mears não conseguiu classificação para o seu evento caseiro. Também ficaram de fora do grid Johnny Sauter e Terry Cook.

    Confira o grid:

    1. Jamie McMurray - Chevrolet , 39.185
    2. Juan Montoya - Chevrolet , 39.242
    3. Clint Bowyer - Chevrolet , 39.317
    4. Kasey Kahne - Ford , 39.363
    5. Dave Blaney - Toyota , 39.364
    6. Kevin Harvick - Chevrolet , 39.366
    7. Jimmie Johnson - Chevrolet , 39.368
    8. Sam Hornish Jr - Dodge , 39.385
    9. Kyle Busch - Toyota , 39.390
    10. Mark Martin - Chevrolet , 39.400
    11. David Reutimann - Toyota , 39.431
    12. Kurt Busch - Dodge , 39.497
    13. Scott Speed - Toyota , 39.518
    14. Jeff Burton - Chevrolet , 39.542
    15. David Ragan - Ford , 39.566
    16. Tony Stewart - Chevrolet , 39.586
    17. Mike Bliss - Chevrolet , 39.615
    18. Ryan Newman - Chevrolet , 39.620
    19. Joey Logano - Toyota , 39.632
    20. Matt Kenseth - Ford , 39.669
    21. Brad Keselowski - Dodge , 39.706
    22. Regan Smith - Chevrolet , 39.708
    23. Brian Vickers - Toyota , 39.710
    24. Aric Almirola - Chevrolet , 39.710
    25. Denny Hamlin - Toyota , 39.713
    26. Marcos Ambrose - Toyota , 39.729
    27. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet , 39.755
    28. Jeff Gordon - Chevrolet , 39.767
    29. A.J. Allmendinger - Ford , 39.770
    30. Michael McDowell - Toyota , 39.802
    31. Carl Edwards - Ford , 39.830
    32. Joe Nemechek - Toyota , 39.833
    33. Bobby Labonte - Chevrolet , 39.870
    34. Martin Truex Jr - Toyota , 39.884
    35. Greg Biffle - Ford , 39.928
    36. Paul Menard - Ford , 39.982
    37. Elliott Sadler - Ford , 40.018
    38. Kevin Conway - Ford , 40.158
    39. Travis Kvapil - Ford , 40.229
    40. Robby Gordon - Toyota , 40.839
    41. David Gilliland - Ford , 40.861
    42. Boris Said - Ford , -
    43. Max Papis - Toyota , 39.889

  5. #5

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Nationwide: Logano sai na pole em Fontana


    A sergunda etapa da Nationwide Series, que será disputada ainda neste
    sábado, terá Joey Logano (Toyota) largando da pole, com Kyle Busch
    (Toyota) largando ao seu lado, na primeira fila na pista da Califórnia.

    A segunda fila terá Brian Scott (Toyota) e Carl Edwards (Ford). Esta
    foi a primeira pole de Logano em 2010, piloto que em 2009, por quatro
    vezes, largou da pole na categoria.

    » Veja abaixo os melhores no grid da prova:
    1. Joey Logano - Toyota 39,717s (291.684 km/h)
    2. Kyle Busch - Toyota 40,021s
    3. Brian Scott - Toyota 40,073s
    4. Carl Edwards - Ford 40,149s
    5. Greg Biffle - Ford 40,328s
    6. John Wes Townley - Chevrolet 40,492s
    7. Brian Vickers - Toyota 40,501s
    8. Kevin Harvick - Chevrolet 40,511s
    9. James Buescher - Chevrolet 40,550s
    10. Trevor Bayne - Toyota 40,568s
    11. David Reutimann - Toyota 40,702s
    12. Steve Wallace - Toyota 40,713s
    13. Brad Keselowski - Dodge 40,762s
    14. Brendan Gaughan - Toyota 40,767s
    15. Justin Allgaier - Dodge 40,774s

  6. #6

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Johnson conquista sua 48ª vitória em Fontana


    Jimmie Johnson suportou a pressão de Kevin Harvick para conquistar sua quinta vitória na NASCAR Sprint Cup em sua corrida em casa, no oval de Fontana, e a 48ª de sua carreira.

    O atual campeão, da Hendrick Motorsports, e Harvick (Richard Childress Racing) lutaram pela ponta desde o início, depois que Juan Pablo Montoya (Earnhardt Ganassi), o primeiro líder da prova até a volta 30, começou a perder rendimento devido a problemas de dirigibilidade.

    Uma punição por excesso de velocidade na entrada dos pits prejudicou Harvick perto da metade da corrida. Ele caiu para 26º lugar, mas recuperou posições progressivamente e pressionou o líder Johnson até tocar no muro na saída da curva 4 enquanto perseguia o carro nº 48 a duas voltas do final.

    Johnson enfrentou dificuldades com a dirigibilidade de seu carro na segunda metade da prova, mas teve sorte quando uma bandeira amarela surgiu restando 25 voltas, após uma rodada de Brad Keselowski na saída da curva 4. Quando a amarela foi acionada, Johnson já estava fazendo seu último pit-stop e conseguiu permanecer na volta do líder enquanto o pelotão reduzia a velocidade. Isso lhe deu a liderança quando todos pararam.

    Tanto Harvick quanto seu companheiro de equipe na Richard Childress, Jeff Burton, fizeram o máximo para impedir vitórias consecutivas de Johnson em Fontana quando a bandeira verde foi agitada pela última vez a 20 voltas do final. Contudo, eles tiveram de se contentar com o segundo e terceiro lugares ao final do evento de 500 milhas.

    Mark Martin teve um dia sólido e chegou na quarta colocação, enquanto Joey Logano impressionou ao terminar em quinto. Montoya, a exemplo de Harvick e Burton, foi penalizado por excesso de velocidade na entrada dos pits na volta 94 e mais tarde abandonou devido a um problema no motor. Foi seu primeiro abandono em mais de um ano.


    Classificação da prova:

    1. Jimmie Johnson - Chevrolet, 250 voltas
    2. Kevin Harvick - Chevrolet, 250
    3. Jeff Burton - Chevrolet, 250
    4. Mark Martin - Chevrolet, 250
    5. Joey Logano - Toyota, 250
    6. Kurt Busch - Dodge, 250
    7. Matt Kenseth - Ford, 250
    8. Clint Bowyer - Chevrolet, 250
    9. Tony Stewart - Chevrolet, 250
    10. Greg Biffle - Ford, 250
    11. Scott Speed - Toyota, 250
    12. Brian Vickers - Toyota, 250
    13. Carl Edwards - Ford, 250
    14. Kyle Busch - Toyota, 250
    15. David Reutimann - Toyota, 250
    16. Sam Hornish Jr - Dodge, 250
    17. Jamie McMurray - Chevrolet, 250
    18. Paul Menard - Ford, 250
    19. Regan Smith - Chevrolet, 250
    20. Jeff Gordon - Chevrolet, 250
    21. Brad Keselowski - Dodge, 250
    22. Mike Bliss - Chevrolet, 250
    23. David Ragan - Ford, 250
    24. Elliott Sadler - Ford, 250
    25. A.J. Allmendinger - Ford, 250
    26. David Gilliland - Ford, 250
    27. Bobby Labonte - Chevrolet, 250
    28. Max Papis - Toyota, 250
    29. Denny Hamlin - Toyota, 248
    30. Travis Kvapil - Ford, 248
    31. Kevin Conway - Ford, 247
    32. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet, 238
    33. Robby Gordon - Toyota, 230
    34. Kasey Kahne - Ford, 221
    35. Marcos Ambrose - Toyota, 170
    36. Ryan Newman - Chevrolet, 148
    37. Juan Montoya - Chevrolet, 140
    38. Boris Said - Ford, 67
    39. Martin Truex Jr - Toyota, 64
    40. Joe Nemechek - Toyota, 48
    41. Dave Blaney - Toyota, 43
    42. Michael McDowell - Toyota, 40
    43. Aric Almirola - Chevrolet, 34

  7. #7

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Nationwide: Kyle Busch vence em Fontana


    Kyle Busch ultrapassou Greg Biffle na volta final para vencer a Stater
    Bros 300 e dar à Joe Gibbs Racing sua quinta vitória consecutiva no
    Auto Club Speedway. Brad Keselowski terminou na terceira colocação.

    Joey Logano, que era líder até perto do final, perdeu a liderança para
    Biffle na última relargada, no estilo de bandeira verde-branca-
    quadriculada, perdendo a oportunidade de vencer depois de largar da
    pole.

    O Top 5 teve ainda Carl Edwards se classificando na quarta colocação.

    O maior líder desta prova foi Logano, que por isso levou o bônus de 10
    pontos da prova.

    » Veja abaixo os melhores classificados na prova:
    1. Kyle Busch Toyota 190 pontos (152 voltas)
    2. Greg Biffle Ford 175
    3. Brad Keselowski Dodge 170
    4. Carl Edwards Ford 160
    5. Joey Logano Toyota 165
    6. Steve Wallace Toyota 150
    7. Kelly Bires Chevrolet 146
    8. Brian Vickers Toyota 142
    9. Justin Allgaier Dodge 143
    10. Brian Scott Toyota 134
    11. Trevor Bayne Toyota 130
    12. Mike Wallace Chevrolet 132
    13. James Buescher Chevrolet 129
    14. Jason Leffler Toyota 121
    15. Scott Lagasse Jr Ford 118

  8. #8

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Kurt Busch conquista a pole em Las Vegas


    Kurt Busch quebrou um jejum aproximado de três anos e vai largar na frente na terceira etapa da NASCAR Sprint Cup, no Las Vegas Motor Speedway. O piloto da Penske superou inclusive o recorde do circuito oval de 1,5 milha, com um tempo de 28s614 e 188.725 milhas por hora de velocidade média.

    Jeff Gordon, quatro vezes campeão na categoria, larga em segundo. O piloto da Hendrick Motorsports fez um tempo 0s011 superior ao do pole position no treino classificatório disputado na noite desta sexta-feira.

    Ryan Newman (Stewart Haas) e Dale Earnhardt Jr (Hendrick Motorsports), que liderou a maior parte da classificação, dividem a segunda fila. Kyle Busch, vencedor no ano passado, foi o melhor entre os pilotos da Toyota, ficando em quinto.

    Juan Pablo Montoya (Earnhardt Ganassi), que liderou no treino livre, classificou-se em décimo. Casey Mears e Terry Cook não conseguiram entrar no grid de 43 carros.

    Confira o grid:

    1. Kurt Busch - Dodge , 28.614
    2. Jeff Gordon - Chevrolet , 28.625
    3. Ryan Newman - Chevrolet , 28.696
    4. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet , 28.697
    5. Kyle Busch - Toyota , 28.700
    6. Joey Logano - Toyota , 28.783
    7. Greg Biffle - Ford , 28.785
    8. Mark Martin - Chevrolet , 28.800
    9. Tony Stewart - Chevrolet , 28.886
    10. Juan Montoya - Chevrolet , 28.909
    11. Matt Kenseth - Ford , 28.916
    12. Carl Edwards - Ford , 28.946
    13. Clint Bowyer - Chevrolet , 28.947
    14. Sam Hornish Jr - Dodge , 28.963
    15. Joe Nemechek - Toyota , 28.977
    16. Brad Keselowski - Dodge , 28.994
    17. David Reutimann - Toyota , 28.996
    18. David Ragan - Ford , 29.003
    19. Kasey Kahne - Ford , 29.033
    20. Jimmie Johnson - Chevrolet , 29.038
    21. Max Papis - Toyota , 29.111
    22. Jeff Burton - Chevrolet , 29.127
    23. Scott Speed - Toyota , 29.152
    24. Jamie McMurray - Chevrolet , 29.172
    25. Travis Kvapil - Ford , 29.180
    26. Paul Menard - Ford , 29.225
    27. Denny Hamlin - Toyota , 29.250
    28. Regan Smith - Chevrolet , 29.254
    29. Bobby Labonte - Chevrolet , 29.260
    30. Mike Bliss - Chevrolet , 29.262
    31. Brian Vickers - Toyota , 29.275
    32. Marcos Ambrose - Toyota , 29.277
    33. Michael McDowell - Toyota , 29.278
    34. Kevin Harvick - Chevrolet , 29.335
    35. Martin Truex Jr - Toyota , 29.354
    36. Dave Blaney - Toyota , 29.355
    37. Elliott Sadler - Ford , 29.433
    38. David Gilliland - Ford , 29.676
    39. Kevin Conway - Ford , 29.696
    40. A.J. Allmendinger - Ford , 29.830
    41. Boris Said - Ford , 30.580
    42. Robby Gordon - Toyota , -
    43. Aric Almirola - Chevrolet , 29.542

  9. #9

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Kevin Harvick vence a etapa da Nationwide em Las Vegas


    Kevin Harvick dominou a terceira etapa da Nationwide Series no Las
    Vegas Motor Speedway, vencendo pela primeira vez em 2010. O piloto da
    Chevrolet liderou o maior número de voltas e não foi ameaçado.

    Denny Hamlin foi o segundo colocado, seguido por Carl Edwards, Brad
    Keselowski e Brian Vickers, completando o Top 5 desta prova.

    Trevor Bayne, Justin Allgaier, Paul Menard, Greg Biffle e Steve
    Wallace completaram os dez primeiros, em uma corrida que sofreu atraso
    em seu início por causa da chuva.

    Danica Patrick voltou a não ter sorte. A piloto da Indy largou em 37º
    e fazia uma apresentação tranquila até a 84ª volta, quando se chocou
    com o carro de Michael McDowell.

    No campeonato, a liderança é de Carl Edwards com 505 pontos. Brad
    Keselowski, que foi o pole em Las Vegas, soma 464 pontos.

    » Veja abaixo os melhores classificados na prova:
    1. Kevin Harvick Chevrolet 195 pontos (200 voltas)
    2. Denny Hamlin Toyota 175
    3. Carl Edwards Ford 170
    4. Brad Keselowski Dodge 165
    5. Brian Vickers Toyota 160
    6. Trevor Bayne Toyota 150
    7. Justin Allgaier Dodge 146
    8. Paul Menard Ford 142
    9. Greg Biffle Ford 143
    10. Steve Wallace Toyota 134
    11. Mike Wallace Chevrolet 130/
    12. Jason Leffler Toyota 127
    13. Brendan Gaughan Toyota 129
    14. Scott Riggs Ford 126
    15. John Wes Townley Chevrolet 123

  10. #10

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Johnson vence a segunda consecutiva no ano em Las Vegas


    Jeff Gordon dominou a maior parte da corrida em Las Vegas, mas Jimmie Johnson novamente se deu melhor e conquistou sua segunda vitória em três etapas da NASCAR Sprint Cup neste ano.

    Gordon parecia a caminho do triunfo antes da útima bandeira amarela da prova, a 37 voltas do final. Seu chefe de mecânicos, Steve Letarte, optou por trocar apenas dois pneus, enquanto Johnson, seu companheiro na Hendrick Motorsports, trocou os quatro.

    Clint Bowyer permaneceu na pista para liderar o pelotão rumo à bandeira verde, mas Gordon reassumiu a ponta imediatamente, com Johnson se aproximando depois de ultrapassar tanto Bowyer quanto seu companheiro na Richard Childress Racing, Kevin Harvick, que, a exemplo do líder, também trocara apenas dois pneus.

    Enquanto Gordon tentou usar o ar limpo para se manter à frente, Johnson aproveitou ao máximo sua vantagem de aderência para eventualmente ultrapassar seu companheiro a 16 voltas do final. Gordon não conseguiu acompanhar o ritmo do atual campeão a partir daí, e mais tarde também perdeu o segundo posto para Harvick, líder do campeonato após dois segundos lugares consecutivos.

    Mark Martin subiu para a quarta colocação nas voltas finais e garantiu a presença de três carros da Hendrick entre os cinco primeiros, também subindo para terceiro na pontuação, enquanto Matt Kenseth, da Roush Fenway, que chegou a liderar por algum tempo, completou o "top 5" depois de conseguir voltar à sequência correta de pit-stops na última parada. Ele havia sido forçado a fazer um pit-stop não programado anteriormente devido a uma roda que estaria solta.

    O pole position Kurt Busch não pôde transferir sua velocidade na classificação para a corrida, após se envolver em um incidente entre os companheiros de equipe na Earnhardt Ganassi, Juan Pablo Montoya e Jamie McMurray. Os dois estavam lutando pelo nono lugar quando McMurray atingiu o carro de Montoya na entrada da curva 3 na volta 93, jogando ambos na barreira e os tirando da luta pela vitória.

    O vencedor do ano passado, Kyle Busch, perdeu uma chegada entre os cinco primeiros devido a uma punição por excesso de velocidade em sua última parada, enquanto seu companheiro de equipe na Joe Gibbs Racing, Joey Logano, encerrou mais um bom fim de semana com a sexta posição.


    Classificação da prova:

    1. Jimmie Johnson - Chevrolet, 267 voltas
    2. Kevin Harvick - Chevrolet, 267
    3. Jeff Gordon - Chevrolet, 267
    4. Mark Martin - Chevrolet, 267
    5. Matt Kenseth - Ford, 267
    6. Joey Logano - Toyota, 267
    7. Tony Stewart - Chevrolet, 267
    8. Clint Bowyer - Chevrolet, 267
    9. Kasey Kahne - Ford, 267
    10. Greg Biffle - Ford, 267
    11. Jeff Burton - Chevrolet, 267
    12. Carl Edwards - Ford, 267
    13. David Reutimann - Toyota, 267
    14. Marcos Ambrose - Toyota, 267
    15. Kyle Busch - Toyota, 267
    16. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet, 267
    17. Paul Menard - Ford, 267
    18. Ryan Newman - Chevrolet, 267
    19. Denny Hamlin - Toyota, 267
    20. Martin Truex Jr - Toyota, 267
    21. Regan Smith - Chevrolet, 267
    22. Scott Speed - Toyota, 266
    23. David Ragan - Ford, 266
    24. Travis Kvapil - Ford, 265
    25. A.J. Allmendinger - Ford, 265
    26. Brad Keselowski - Dodge, 265
    27. Elliott Sadler - Ford, 265
    28. Sam Hornish Jr - Dodge, 264
    29. Dave Blaney - Toyota, 264
    30. David Gilliland - Ford, 263
    31. Brian Vickers - Toyota, 262
    32. Robby Gordon - Toyota, 262
    33. Max Papis - Toyota, 262
    34. Jamie McMurray - Chevrolet, 260
    35. Kurt Busch - Dodge, 259
    36. Kevin Conway - Ford, 256
    37. Juan Montoya - Chevrolet, 247
    38. Bobby Labonte - Chevrolet, 216
    39. Mike Bliss - Chevrolet, 135
    40. Boris Said - Ford, 134
    41. Joe Nemechek - Toyota, 65
    42. Michael McDowell - Toyota, 40
    43. Aric Almirola - Chevrolet, 23

  11. #11

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Montoya critica McMurray após batida


    Juan Pablo Montoya criticou seu companheiro de equipe Jamie McMurray após a batida dos dois na corrida da NASCAR Sprint Cup em Las Vegas, no domingo.

    Ambos estavam andando entre os top 10 na volta 94 quando McMurray fez contato com o canto esquerdo da traseira do carro de Montoya quando entravam na curva 3 e fazendo o colombiano rodar, com os dois carros batendo na barreira.

    O colombiano foi rápido ao criticar seu companheiro de equipe, falando logo após levar seu carro para o box.

    "Jamie pura e simplesmente nos destruiu", disse Montoya. "Toda vez que estou perto dele, ele quer emparelhar comigo. Eu não sei se eu podia dizer isso, mas agora já disse.

    Na relargada eu estava por dentro, eu acho que ele ficou apertado mas não levantou o pé, eu não acertei o muro por milagre. Então fomos para a curva 2, ele não aliviou e nos destruiu.

    Tenho certeza que o rádio ele disse "ah, eu não quis fazer isso". Ele só está tentando provar para as pessoas que ele pode guiar um carro de corrida e acho que ele não está fazendo muitos favores a esta equipe."

    McMurray disse em seu twitter: "Dia difícil, desculpe a todos os fãs do @ jpmontoya"

    Após a corrida, McMurray disse que as declarações de Montoya contra ele foram feitas no calor do momento.

    "Oh, você provavelmente está frustrado pelo que aconteceu na pista, então vocês [midia], provavelmente não deviam dar tanta importância ao que ele declarou," disse McMurray. "Quando você pergunta a alguém algo imediatamente após uma batida, essa pessoa normalmente não tem nada bom a dizer."

    “Ele entrou na curva mais cedo do que eu esperava, por isso batemos. A culpa foi minha.”

    McMurray conseguiu permanecer na volta do líder na sequência do incidente, mas o dano em seu carro o fez perder o ritmo e terminar no 34 º lugar, sete voltas atrás. Montoya cruzou a linha de chegada depois em 37º lugar depois de longos reparos na garagem.

  12. #12

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Dale Earnhardt Jr conquista a pole em Atlanta


    Dale Earnhardt Jr quebrou um jejum de quase dois anos (ou 68 corridas) e vai largar na pole position da quarta etapa da NASCAR Sprint Cup, no Atlanta Motor Speedway. O piloto da Hendrick Motorsports fez 28s761 no treino classificatório de sexta-feira, a uma média de 192.761 milhas por hora.

    Kyle Busch vai largar da primera fila pela primeira vez no ano. O competidor da Joe Gibbs Racing registrou 28s833, média de 192.280 mph. O colombiano Juan Pablo Montoya, da Earnhardt Ganassi, é o terceiro no grid.

    Mark Martin e Jeff Gordon completam os cinco primeiros. O tetracampeão Jimmie Johnson, vencedor de duas provas neste ano, larga em 16º. Casey Mears, Aric Almirola e Terry Cook não conseguiram classificação.

    A largada para a Kobalt Tools 500 está prevista para as 15h deste domingo (07/03), pelo horário de Brasília. O Speed transmite ao vivo.

    Confira o grid:

    1. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet , 28.761
    2. Kyle Busch - Toyota , 28.833
    3. Juan Montoya - Chevrolet , 28.859
    4. Mark Martin - Chevrolet , 28.903
    5. Jeff Gordon - Chevrolet , 28.909
    6. Kasey Kahne - Ford , 28.922
    7. Ryan Newman - Chevrolet , 28.943
    8. Elliott Sadler - Ford , 28.960
    9. David Reutimann - Toyota , 28.998
    10. Carl Edwards - Ford , 29.013
    11. Kurt Busch - Dodge , 29.018
    12. Marcos Ambrose - Toyota , 29.036
    13. Greg Biffle - Ford , 29.049
    14. Matt Kenseth - Ford , 29.058
    15. Tony Stewart - Chevrolet , 29.073
    16. Jimmie Johnson - Chevrolet , 29.081
    17. David Ragan - Ford , 29.091
    18. Clint Bowyer - Chevrolet , 29.093
    19. Martin Truex Jr - Toyota , 29.095
    20. Denny Hamlin - Toyota , 29.114
    21. Bobby Labonte - Chevrolet , 29.138
    22. Jeff Burton - Chevrolet , 29.145
    23. Paul Menard - Ford , 29.181
    24. Jamie McMurray - Chevrolet , 29.192
    25. A.J. Allmendinger - Ford , 29.201
    26. Brian Vickers - Toyota , 29.210
    27. Dave Blaney - Toyota , 29.242
    28. Brad Keselowski - Dodge , 29.245
    29. Joey Logano - Toyota , 29.304
    30. Mike Bliss - Chevrolet , 29.311
    31. Max Papis - Toyota , 29.316
    32. Scott Speed - Toyota , 29.321
    33. Joe Nemechek - Toyota , 29.324
    34. Bill Elliott - Ford , 29.330
    35. Kevin Harvick - Chevrolet , 29.331
    36. Sam Hornish Jr - Dodge , 29.338
    37. David Gilliland - Ford , 29.436
    38. Regan Smith - Chevrolet , 29.496
    39. Robby Gordon - Toyota , 29.742
    40. Travis Kvapil - Ford , 29.898
    41. Kevin Conway - Ford , 29.998
    42. Boris Said - Ford , 30.309
    43. Michael McDowell - Toyota , 29.371

  13. #13

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Kurt Busch vence em Atlanta


    Kurt Busch segurou Matt Kenseth e Juan Pablo Montoya para conquistar sua primeira vitória da temporada na Kobalt Tools 500, em Atlanta.

    O piloto da Penske e Kasey Kahne (Richard Petty) dominaram a prova, se alternando na liderança ao longo da maior parte da tarde. Entretanto, os mecânicos de Busch desempenharam um papel vital para colocá-lo na frente no momento certo, enquanto as paradas de Kahne não foram tão rápidas - assim como seu ritmo em trechos curtos.

    Isso favoreceu Busch, que retomou o primeiro lugar de Kahne após os pit-stops dos líderes durante a oitava bandeira amarela do dia, a 34 voltas do final. Quando a bandeira verde foi agitada, Montoya (Earnhardt Ganassi) surgiu como o principal desafiante de Busch, e depois de subir para segundo, ele continuou se aproximando do Dodge nº 2.

    O colombiano parecia destinado a encostar em Busch para duas voltas finais emocionantes, mas a bandeira amarela impediu isso, já que o carro de Brad Keselowski capotou na reta principal após um toque de Carl Edwards, com o piloto da Roush Fenway aparentemente se vingando de um incidente anterior com o competidor da Penske.

    Keselowski saiu ileso de seu carro destruído, enquanto a NASCAR obrigou Edwards a parar e o convocou para explicar sua versão do incidente aos comissários.

    A corrida continuou com uma primeira tentativa de bandeira verde-branca-quadriculada que foi atrapalhada por um incidente causado por um toque entre Jamie McMurray e Clint Bowyer, com pelo menos mais cinco carros se envolvendo na confusão, pouco antes da bandeira branca ser mostrada para os líderes.

    Busch e Montoya já haviam voltado às duas primeiras colocações depois de relargarem em quarto e quinto, superados por três carros que trocaram apenas dois pneus no último pit-stop. Na relargada final, Montoya aparentemente perdeu tração e permitiu que Busch abrisse. O colombiano acabou caindo para quarto, enquanto Busch teve de ficar atento a Kenseth, que acabou cruzando a linha de chegada logo atrás dele.

    Montoya foi o terceiro, à frente de Kahne, que liderou o maior número de voltas. A aposta de Paul Menard de trocar apenas dois pneus rendeu dividendos, pois ele se segurou em quinto, seguido por seu companheiro de equipe AJ Allmendinger, com três carros da RPM entre os seis primeiros.

    O líder do campeonato Kevin Harvick teve dificuldades na primeira metade da corrida, mas mudanças de acerto e uma estratégia correta lhe permitiram garantir sua quarta chegada entre os dez primeiros em quatro etapas neste ano, apesar de sua equipe Richard Childress Racing não ter se mostrado tão competitiva quanto nas três semanas anteriores.

    O atual campeão Jimmie Johnson fez uma prova sólida, mas passou do ponto de parada em um de seus últimos pit-stops e depois se tocou com Ryan Newman, da Stewart Haas, danificando seu carro e sendo forçado a fazer uma parada extra para reparos. Apesar disso, ele foi o melhor entre os carros da Hendrick Motorsports, em 12º, enquanto todos os seus companheiros sofreram com problemas relacionados aos pneus.


    Classificação da prova:

    1. Kurt Busch - Dodge, 341 voltas
    2. Matt Kenseth - Ford, 341
    3. Juan Pablo Montoya - Chevrolet, 341
    4. Kasey Kahne - Ford, 341
    5. Paul Menard - Ford, 341
    6. AJ Allmendinger - Ford, 341
    7. Brian Vickers - Toyota, 341
    8. Greg Biffle - Ford, 341
    9. Kevin Harvick - Chevrolet, 341
    10. Scott Speed - Toyota, 341
    11. Marcos Ambrose - Toyota, 341
    12. Jimmie Johnson - Chevrolet, 341
    13. Tony Stewart - Chevrolet, 341
    14. Regan Smith - Chevrolet, 341
    15. Dale Earnhardt Jr - Chevrolet, 341
    16. Bill Elliott - Ford, 341
    17. Ryan Newman - Chevrolet, 341
    18. Jeff Gordon - Chevrolet, 341
    19. Elliott Sadler - Ford, 341
    20. Jeff Burton - Chevrolet, 341
    21. Denny Hamlin - Toyota, 341
    22. Bobby Labonte - Chevrolet, 341
    23. Clint Bowyer - Chevrolet, 341
    24. Mike Bliss - Chevrolet, 341
    25. Kyle Busch - Toyota, 341
    26. David Gilliland - Ford, 341
    27. Martin Truex Jr - Toyota, 341
    28. Sam Hornish Jr - Dodge, 340
    29. Jamie McMurray - Chevrolet, 340
    30. Travis Kvapil - Ford, 339
    31. Kevin Conway - Ford, 334
    32. Boris Said - Ford, 333
    33. Mark Martin - Chevrolet, 331
    34. Max Papis - Toyota, 329
    35. Joey Logano - Toyota, 323
    36. Brad Keselowski - Dodge, 322
    37. David Ragan - Ford, 211
    38. Joe Nemechek - Toyota, 175
    39. Carl Edwards - Ford, 170
    40. David Reutimann - Toyota, 167
    41. Dave Blaney - Toyota, 48
    42. Michael McDowell - Toyota, 37
    43. Robby Gordon - Toyota, 3

  14. #14

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Montoya lamenta última bandeira amarela



    Juan Pablo Montoya lamentou que o incidente entre Brad Keselowski e Carl Edwards, nas voltas finais, tenha o impedido de vencer sua primeira corrida oval na NASCAR.

    O piloto da Earnhardt Ganassi estava disputando a liderança durante a maior parte da corrida, chegando a liderar durante algumas voltas o evento de 500 milhas. Montoya lamentou o excesso de cautela, por ele ter pensando que teria maiores chances de vencer Busch fazendo um stint longo com bandeira verde.

    “Eu estava a três carros de distancia do Busch faltando apenas duas voltas para o fim” disse Montoya. “Estava me aproximando três ou quatro décimos de segundo por volta. Então eu pensei, se eu conseguir chegar mais perto dele, eu tenho certeza que vou conseguir ultrapassá-lo.

    Está tudo certo. Eu disse a minha equipe já quase no final da corrida ‘nós temos que terminar. Nós precisamos desses pontos’. Foi um bom dia de pontos para nós”.

    O colombiano contou que na última relargada da corrida ele foi pego de surpresa por Busch, já que o piloto da Penske estava mais rápido que ele. Montoya, entretanto, acredita que Busch provavelmente acelerou antes da referencia que eles têm no muro, que marca onde os pilotos podem voltar à velocidade de corrida.

    Montoya liderou três das quatro corridas da temporada, mas a temporada não começou bem para ele, que teve uma falha no motor em Fontana e um incidente com seu companheiro de equipe Jamie McMurray em Las Vegas.

  15. #15

    Registo
    Apr 2007
    Posts
    2.493

    Padrão Edwards ficará três corridas em observação


    Carl Edwards recebeu apenas uma punição leve por seu incidente na pista com Brad Keselowski em Atlanta, com os comissários da NASCAR anunciando um período de três corridas em observação para o piloto da Roush Fenway.

    Restando duas voltas para o final da prova da Sprint Cup no domingo, Edwards bateu intencionalmente em Keselowski na reta principal, causando um acidente assustador para o piloto da Penske.

    A NASCAR obrigou Edwards a parar após o incidente, e ele teve de se explicar aos comissários imediatamente. Keselowski escapou ileso da batida, mas posteriormente pediu uma atitude da NASCAR contra Edwards.

    Entretanto, tendo declarado no começo do ano que estava disposta a ser mais flexível em relação à maneira como os pilotos se enfrentam na pista, a NASCAR anunciou um período de três corridas em observação para Edwards como a única punição pelos seus atos em Atlanta.

    O presidente da NASCAR, Mike Helton, disse que a atitude de Edwards e o fato do carro de Keselowski ter decolado foram considerados separadamente, algo que ele tentará impedir que aconteça novamente no futuro.

    "Deixamos muito claro que essas ações não são aceitáveis e vão além do que dissemos em janeiro sobre colocar a pilotagem de volta nas mãos dos pilotos", declarou Helton. "Acreditamos que ele entende nossa posição neste ponto".

    "Também gostaria de dizer que é importanta para nós separar o que ocorreu entre o nº 99 e o nº 12 na pista e o fato do carro nº 12 ter decolado. Não vemos isso acontecer com frequência nos ovais de uma milha e meia. Isso é muito importante para nós, vamos estudar tudo com atenção e descobrir o que temos de fazer a fim de impedir isso rapidamente no futuro".

    Helton afirmou que o fato de NASCAR ter obrigado Edwards a parar a poucas voltas do final já foi uma reação contra o piloto, mesmo ele estando mais de 100 voltas atrás quando bateu em Keselowski, que andava entre os dez primeiros naquele momento.

    "Obrigamos Carl a parar assim que o incidente aconteceu pelo equilíbrio do evento. Você pode rever alguns incidentes do ano passado em Homestead, quando a punição foi de uma volta".

    "Portanto, a reação imediata da NASCAR foi mandar o carro parar pelo equilíbrio do evento. Pode acabar sendo uma reação bastante séria de nossa parte. Creio que o equilíbrio ainda precisará ser resolvido entre os pilotos no que diz respeito à opinião deles sobre tudo isso, mas digo que há duas coisas aqui".

    "É uma função nossa querer fazer a coisa certa em relação aos competidores na pista de ambos os lados. Um é permitir que eles corram, mas o outro lado é manter a lei e a ordem dentro de um nível razoável". Helton espera que Edwards e Keselowski se encontrem para encerrar a briga.

Página 1 de 5 1 2 ... Último

Tópicos Similares

  1. Aveiro esgotou stock de sangue
    Por billshcot no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 19-02-2013, 08:15
  2. Respostas: 2
    Último Post: 14-02-2013, 15:13
  3. TNA estreia novo gimmick match
    Por nrms® no fórum Outros
    Respostas: 0
    Último Post: 20-06-2007, 13:34

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar