1. #1
    Avatar de mjtc
    Registo
    Feb 2010
    Posts
    9.216

    Padrão Breve História das Scooters!

    As Scooters já andam por cá há algum tempo, surgindo como veículos no início de 1900.

    A primeira scooter de duas rodas foi feita por Hildebrand e Wolfmuller
    em 1894.

    Em França, em 1902, foi produzida a AutoFauteuil, e acredita-se que os Motoped foram a primeira versão nos Estados Unidos, em 1910. Todas as versões eram semelhantes, pequenas, tipo bicicleta com instrumentos, que andava com o auxílio de um motor.

    Um Padre circulando numa Auto-Fauteuil no início do século XX.

    No início de 1900, a Companhia Autoped, em Long Island, Nova Iorque, começou a produzir uma scooter compacta, destinada a viagens mais curtas do que os típicos motociclos.

    Auto-Ped de 1916 com 155 cc e motor a 4 tempos, era construída em Nova Iorque (E.U.A.).

    Tudo começou em 1914 ficando o condutor assente numa pequena plataforma. A scooter tinha pneus de 15 polegadas. Depois de conduzida, toda a coluna de direcção, com os respectivos controles operacionais, podia ser dobrada sobre a plataforma, a fim de se poder arrumar num espaço compacto. O motor, com 155 cc, era refrigerado a ar e ficava por cima da roda dianteira. Foi desenvolvida em tempo de guerra com a ideia de racionamento de gasolina em mente, mas não era muito popular.

    Aqui um grupo de carteiros com as suas scooters Auto-Ped de serviço em 1920. O que revela a sua utilidade em
    certos serviços como entregas de correspondência.

    Unibus de 1920 era anunciado como "O carro de 2 rodas".

    A Skootamoto terá sido a primeira scooter em que o condutor verdadeiramente se sentava, em vez de "cavalgar". Foi considerada como sendo muito confortável de conduzir, muito fácil de manusear e essencialmete muito fiável dispensando grandes conhecimentos de mecânica.

    A Skootamoto ABC, produzida em 1919 na Grã-Bretanha, tinha um assento e foi um pouco mais popular.

    Ao mesmo tempo, em Inglaterra, outra scooter clássica que estava a ser desenvolvida era a Kenilworthi. Era alimentada por um motor a válvulas com 142 cc e atingia de velocidade: 32 km/h.

    1930 – 1950: foram inventados diversos modelos de scooters!

    Em 1936, em Oakland, na Califórnia (E.U.A.), a companhia Motor Salsbury's Glide produziu uma moto extremamente pequena. Nesta altura, os motociclos já se iam tornando populares e assim, a diferença entre as motos e scooters, também foram se tornando interessantes de ver. O motor Glide tinha um corpo fechado, e uma transmissão automática. Era tão popular que foi trazido para a Europa também.

    Efectivamente, o Salsbury Motor Glide tornou-se o padrão para todos os motores de scooters produzidos a partir de então.

    Salsbury Aero Model de 1937 com motor a 4 tempos.

    Após a II Guerra Mundial, houve um outro boom no mundo das scooters. Muitos dos fabricantes de aviões durante a guerra voltaram-se, por necessidade, para outros produtos, e scooters eram uma das coisas mais populares para eles produzirem.

    O Japão criou sua primeira scooter após a guerra, a "Mitsubishi Silver Pidgeon.
    Era feita a partir de rodas de avião de guerra, e outras peças de avião descartadas.

    Eventualmente, a Fuji Rabbit também foi desenvolvida usando os mesmos
    métodos na mesma área. Nesta foto: uma Fuji Rabbit de 1960.

    Após a II Guerra Mundial, o mundo começou a ver um novo padrão em scooters.

    A Vespa Piaggio foi desenvolvida em Itália, e tornou-se o padrão para scooters
    em todo o mundo, depois de patenteada em Abril de 1946.

    Ao mesmo tempo, a Innocenti foi desenvolvida pela Lambretta, e foi lançada
    no Salão do Automóvel de Paris em 1947.

    Na década de 1950, havia já muitas scooters de sucesso, incluindo a ”Maicoletta" que continua a ser uma das scooters mais populares de todos os tempos.

    A Maicoletta era uma monocilíndrica com 247 cc e com um motor a 2 tempos,
    e caixa de 4 velocidades de pé. Também tinha ventoinha de refrigeração e foi
    construída sobre os mesmos princípios de um motociclo, tendo uma velocidade
    máxima de 112Km/h.

    Nesse tempo, na Grã-Bretanha, a Vespa ganhava popularidade, depois ter sido para lá levada pela Douglas.

    A BSA produziu a Dandy BSA 70 em 1957, e a Triumph produziu a Tigresa em 1962. A partir da década de 1960, A Harley Davidson entrou no mercado das scooters, produzindo a Topper de 1960-1965. Era feita de fibra de vidro, e arrancava com um cabo de tracção, como um cortador de relva. Esta scooter da Harley Davidson tinha um motor DKW de 165 cc a gasolina. Não tinha travão dianteiro, e tinha uma velocidade máxima de 64 Km/h. Não foi um grande sucesso de vendas e a Harley Davidson não voltou a produzir qualquer modelo de scooter.
    Última edição por mjtc; 08-03-2018 às 17:18.

Tópicos Similares

  1. As Famosas Scooters Italianas!
    Por mjtc no fórum Motas Fotos & Vídeos
    Respostas: 5
    Último Post: 24-03-2013, 22:28
  2. Breve História da Literatura
    Por mjtc no fórum Literatura & Opiniões
    Respostas: 0
    Último Post: 20-09-2011, 07:43
  3. Breve História da Astronomia
    Por nita_vsc no fórum Exploração Espacial
    Respostas: 1
    Último Post: 23-01-2008, 11:38
  4. Breve História dos Crepes
    Por MMAD no fórum Sobremesas
    Respostas: 0
    Último Post: 07-02-2007, 10:50
  5. Breve História do Peixe
    Por MMAD no fórum Peixe
    Respostas: 0
    Último Post: 06-02-2007, 11:07

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar