É altura de conhecer o Samsung Galaxy Note 3, o phablet de ecrã gigante que tantas expectativas criou.

O Samsung Galaxy Note 3 é um phablet (um híbrido entre smartphone e tablet), que promete definir novos standards neste género de dispositivos.

Depois de muita especulação, eis que o Samsung Galaxy Note 3 já está no mercado e segundo muitas opiniões, o dispositivo gigante da Samsung está à altura das expetativas criadas e é mesmo o melhor gadget Android já lançado.

Ao olhar para o Galaxy Note 3, duas impressões surgem de imediato: “esta coisa” é realmente enorme e a qualidade do ecrã é simplesmente deslumbrante.

Apesar de estarmos perante uma maravilha tecnológica, capaz de proporcionar uma das maiores experiências que alguém pode ter em ambiente Android, não temos problemas em admitir que este Samsung Galaxy Note 3 não é para todos.

Para muitas pessoas as 5,7 polegadas do ecrã do Note 3 são… demasiado. Isto é válido principalmente, para quem está a pensar utilizar este dispositivo como o seu smartphone principal.

Andar com um Samsung Galaxy Note 3 no bolso e conseguir segurá-lo com uma só mão, pode afigurar-se uma tarefa excessivamente complicada.

Contudo, nada como acompanhar a nossa review e decidir por si mesmo, se quer dar uma hipótese a este gigante fantástico.


# Design:

O design e mais propriamente os materiais utilizados na construção do Samsung Galaxy Note 3 constituem o grande calcanhar de Aquiles deste dispositivo.

Não nos entendam mal, o Galaxy Note não é um dispositivo mal conseguido sobre o ponto de vista do design. Contudo, atendendo à sua qualidade geral, podemos dizer que esperávamos algo mais.

O Galaxy Note 3 apresenta um aro metálico que circunda todo o dispositivo, conferindo-lhe um visual mais distinto.

Contudo, quando olhamos para a traseira do Note 3, não podemos deixar de ficar um pouco desiludidos.

“Olha a capa traseira é de pele! Ah não, espera… È apenas uma imitação plástica de pele.”

Apresentando um preço em Portugal, muito pouco abaixo dos 700€, seria certamente desejável que este Samsung Galaxy Note 3 apresentasse materiais de outra nobreza na sua construção.

Afinal, é um equipamento de topo, que está ao nível do que melhor se faz em termos de smartphones/phablets.

A teimosia da marca sul coreana em apostar no plástico para a construção dos seus equipamentos de topo, é de certa forma pouco compreensível.


# Ecrã:

E do atributo menos apelativo do Samsung Galaxy Note 3 passamos para sua característica mais apelativa: o seu fantástico ecrã.

Comecemos por referir as especificações técnicas deste ecrã: é um de 5,7 polegadas Super AMOLED Full HD, com resolução 1080 X 1920, 385 ppi.

Em relação ao ecrã do Note 2, houve um pequeno crescimento – de 5,5 polegadas para 5,7 – mas a evolução não se ficou pelo aumento dimensional.

O ecrã do Note 3 oferece cores vividas e saturadas e pretos bastante nítidos. Como não podia deixar de ser num equipamento deste nível, os ângulos de visualizações são impressionantes, permitindo a correta visualização do ecrã até em ângulos mais peculiares.

Como já acontecia com o seu antecessor, também o Samsung Galaxy Note 3 permite que escolha um de entre 5 modos de ecrã, o que permite que cada utilizador adeque a experiência de visualização ao seu próprio gosto.

Quando alguém me disse que olhar para o ecrã do Galaxy Note 3 era como olhar para um grande LCD Samsung Full HD, pensei de imediato que estaria a exagerar, contudo a qualidade de visualização oferecida por este dispositivo é realmente impressionante.

# Funcionalidades:

Para além do ecrã fora de série, o Note 3 destaca-se pela sua S Pen, a caneta digital que aqui surge ainda mais interessante e funcional.

A S Pen do Note 3 não se limita a ser uma simples caneta digital, oferecendo outras possibilidades, que seguramente irão ser do agrado da maioria dos utilizadores.

Esta caneta inclui um botão, que ao ser pressionado abre um menu de atalhos, que podem ser seleccionados apenas aproximando a S Pen do ecrã. Isto significa, que nem é necessário tocar com a caneta do ecrã do dispositivo. Interessante, não?

Para que seja possível tirar o máximo partido da S Pen, a Samsung incluiu algumas aplicações de origem, como o Sketchbook, ou o S Note que é bastante mais complexo do que um simples bloco de notas.

Poder escrever notas à mão e depois transformá-las em texto é uma funcionalidade que irá dar jeito a muitas pessoas

Este dispositivo oferece ainda uma vasta panóplia de funcionalidades de produtividade e de criatividade, que certamente farão do Note 3, um favorito entre algumas classes profissionais.


# Câmara:

O Samsung Galaxy Note 3 apresenta uma câmara principal com 13 MP e uma câmara secundária com 2 MP.

É uma câmara recheada de opções e de funcionalidades, incluindo uma grande variedade de modos de disparo.

Estes modos acabam por ser de grande importância, uma vez que o desempenho da câmara no modo automático fica bastante aquém das expectativas.

Quem gosta de fazer vídeos com o seu dispositivo Android, vai gostar de ler que o Note 3 oferece um desempenho excepcional a este nível.

Existem poucos dispositivos capazes de filmar a 4000p a 30 fps, como o Galaxy Note 3.

E quem sentir que não precisa de tal qualidade de gravação, pode sempre optar por gravar em 1080p a 60 fps.

# Avaliação Final:

O Samsung Galaxy Note 3 reúne algumas características que o tornam único.

Ao ser um phablet de dimensões bastante generosas pode afastar alguns potenciais compradores que procuram um equipamento mais prático, contudo tem muitos pontos a seu favor.

A qualidade de ecrã oferecida por este dispositivo é fantástica, a S Pen abre portas a um mundo de produtividade e criatividade, as aplicações extra são útis e interessantes e a qualidade de vídeo é espantosa.

Contudo, a construção em plástico é um factor negativo num equipamento deste nível e com este preço.

Face a isto tudo, o Samsung Galaxy Note 3 será uma excelente compra para algumas pessoas, enquanto que para outras está completamente fora da equação.

- Prós:

Ecrã fantástico
S Pen
Fluidez

- Contras:

Construção
A sua dimensão pode ser inconveniente para algumas pessoas




Fonte: Poweruser