Um recluso do Estabelecimento Prisional de Santa Cruz do Bispo foi encontrado morto, esta quarta-feira, dentro da sua cela, disse, ao JN,fonte da Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais.



De acordo com a DGRSP , o recluso, de 33 anos de idade, condenado a 12 anos de prisão pelos crimes de sequestro, coação e furto, era acompanhado por psicólogo e psiquiatra e havia tido consultas esta manhã. Pouco tempo depois foi encontrado, já sem vida, por elementos da vigilância.



Confirmado o óbito, foram feitas as comunicações oficiais às autoridades para os procedimentos legais. Apesar de não haver indícios de crime, a DGRSP determinou a abertura de um processo de inquérito a cargo do Serviço de Auditoria e Inspeção, coordenado por um magistrado do Ministério Público.



jn