Seat inaugura maior fábrica automóvel a energia solar do mundo



Depois de quatro anos de obras, a empresa espanhola, do Grupo Volkswagen, inaugurou a fábrica “Seat al Sol”, a maior do setor automóvel sustentada com energia solar. Foram instalados 53 mil painéis solares numa área equivalente a quarenta campos de futebol em Martorell, Barcelona.

Os painéis foram instalados nos telhados das oficinas e nas áreas de armazenamento provisório de veículos.

Os equipamentos, que envolveram um investimento de 35 milhões de euros, permitirão gerar 15 milhões de kWh por ano, o equivalente a 25 por cento da energia necessária para fabricar o novo Seat Leon durante um ano.

A poupança ambiental da fábrica será de sete mil toneladas de CO2 por ano, o equivalente a 8,5 vezes o dióxido de carbono que absorve anualmente o Central Park, em Nova Iorque.

A cerimónia ficou marcada pelas presenças do ministro do Interior, Jorge Férnandez Díaz, do presidente do Comité Executivo da Seat, Jürgen Stackmann, do vice-presidente de produção da empresa, Andreas Tostmann e do vice-presidente de relações governamentais e institucionais da Seat e do Grupo Volkswagen em Espanha, Ramón Paredes.

“A Seat é uma empresa responsável e o respeito ao meio ambiente é uma prioridade. Temos a maior fábrica solar de toda a indústria automóvel e isso demonstra que o nosso compromisso é real”, afirmou Jürgen Stackmann, citado no portal A Bola.

Citada no portal AutoHoje, a marca espanhola esclareceu que esta fábrica “gera uma energia com a qual poderíamos carregar três milhões de telemóveis durante um ano".

PER / A Bola / AutoHoje