O novo primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, prometeu hoje construir uma "Índia forte", depois de ser empossado numa cerimónia que contou com a presença de líderes regionais.
"Eu, Narendra Damodardas Modi, juro em nome de Deus lealdade e obediência à Constituição da Índia (...) prometo manter a soberania e a integridade da Índia e desempenhar as minhas funções de primeiro-ministrio com lealdade e conscientemente", declarou em hindi, numa cerimónia conduzida pelo presidente Pranab Mukherjee.



Narendra Modi, de 63 anos, e o partido nacionalista hindu, Bjaratiya Janata Party (BJP), obtiveram a maioria absoluta, pela primeira vez nos últimos 30 anos, na câmara baixa do parlamento nas legislativas, com a promessa de criação de empregos e relançamento do crescimento.
Num comunicado publicado no 'site' do chefe do executivo, Modi prometeu uma "Índia forte".
"Juntos, vamos escrever um futuro glorioso para a Índia (...) Vamos sonhar, em conjunto, com uma Índia forte, desenvolvida que, com a comunidade internacional, trabalha ativamente para reforçar a paz no mundo", disse.
Depois de Modi, vários dirigentes do BJP tomaram posse como ministros, mas as pastas atribuídas não foram ainda divulgadas. Arun Jaitley deverá ser o ministro das Finanças e Sushma Swaraj poderá ser ministra dos Negócios Estrangeiros.



dn