O Presidente do Uruguai, José Mujica, insultou a FIFA, na sequência da sanção imposta ao futebolista Luis Suarez, excluído do Mundial por ter mordido um adversário da seleção italiana.



"A FIFA é uma cambada de filhos da p...", declarou o Presidente uruguaio no domingo, em declarações à cadeia pública nacional.
José Mujica, conhecido pela linguagem inflamada e direta, vincou: "Eles podem punir, mas não infligir sanções fascistas."
Depois de ter dado como provado que Luis Suárez mordeu o ombro de Chiellini no jogo frente à seleção italiana, do Grupo D do Mundial, a FIFA suspendeu o uruguaio por nove jogos e baniu-o de todas as atividades relacionadas com o futebol durante quatro meses.
O avançado do Liverpool foi também obrigado, pelo organismo máximo do futebol, a abandonar o "quartel-general" do Uruguai no Mundial 2014, em Sete Lagoas, Minas Gerais, no Brasil.


dn