Homem diz ter mais de cem orgasmos por dia




Dale Decker, de 37 anos, diz ter mais de cem orgasmos por dia. E odeia!
O morador de Grand Rapids (Michigan, EUA) sofre de um problema médico chamado
de desordem da excitação genital persistente, o que faz com que tenha orgasmos
involuntários durante todo o dia.
O distúrbio raro faz com que ele não possa ter uma vida normal, ao lado da mulher, April.
"Não há nada prazeroso nisso. Porque, mesmo podendo ter um prazer físico,
na cabeça você sente repulsa pelo que está acontecendo.
E dependendo de onde você esteja, na frente dos filhos ou diante de estranhos,
isso pode acabar rapidamente com a pessoa", contou ele à Barcroft Media.



O americano durante um 'ataque' - Barcroft Media/Other Images


Outro orgasmo em público - Barcroft Media/Other Images

Os orgasmos acontecem nos locais e nas situações mais complicadas.
"Imagina você estar ajoelhado no enterro do seu pai, ao lado do caixão,
despedindo-se dele e então acontecem nove orgasmos", relatou o americano.
"É muito frustrante porque não tem fim", desabafou.



Dale e a esposa, April - Barcroft Media/Other Images

A onda de prazer involuntário vem até quando Dale está no consultório da terapeuta sexual, Diane London.
"Nunca vi nada como isso. É uma maneira horrível de viver", disse Diane após um orgasmo do paciente diante dela.
"Sonho um dia voltar à minha vida normal ser a pessoa que eu era para ser", comentou o americano.



Dale no consultório de Diane London - Barcroft Media/Other Images


Dale após deixar o consultório às pressas após ter um orgasmo - Barcroft Media/Other Images


Fonte: oglobo