Nem tudo que reluz é ouro, mas no caso do chocolate podemos ficar feliz com o fato de que ele não nos engorda TANTO ASSIM.
A pesquisa feito em nove países europeus, incluindo a Espanha, sobre hábitos alimentares para jovens. Fato este comprovado em teste com 1.458 participantes deste estudo em específico, publicado na Nutrition, entre 12 e 17 anos mostram que ele auxilia tanto na redução na gordura total quanto da localizada na região abdominal.
O chocolate é rico em açúcar e gorduras saturadas, mas este e outros estudos já apontaram que seu consumo está ligado a menor chance de problemas cardíacos e metabólicos.
Os estudantes espanhois tiveram resultados positivos quanto à gordura corporal medida manualmente, nas dobras da pele, ou com eletrodos e também apresentaram melhores Índices de Massa Corporal (IMC).
Lembrando que o consumo excessivo é desaconselhado pelos pesquisadores, e também é preciso levar em conta que existem tipos diferentes de chocolate.
Em tempo: dê preferência para o chocolate amargo e fique longe do chocolate branco.


Fonte: Medical Xpress / WebMD