O curso de Rangers do exército norte-americano é tido como dos mais exigentes, física e psicologicamente.




Foi em comunicado hoje divulgado pelo Pentágono que ficamos a saber que “94 homens e duas mulheres corresponderam às exigências da fase Pântano e vão ser graduados como Rangers”. Fez-se história, como dá conta a CNN.




O curso de Rangers é particularmente exigente e a fase Pântano é a última etapa.
No início do curso, cuja primeira fase decorreu entre 6 e 15 de abril deste ano, havia 381 candidatos homens e ainda 19 mulheres candidatas.
Mas à medida que se sucediam as diferentes fases do curso, foram vários os candidatos que foram ficando pelo caminho, desistindo ou sendo passados para outras funções. Só os mais resistentes aguentaram e, entre elas, encontram-se pela primeira vez duas mulheres.
Depois das várias fases – e para que se perceba o desafio que estes candidatos, homens e mulheres, enfrentaram – a última foi mesmo a mais exigente.
Concluídas as várias etapas, os candidatos que chegaram a esta última fase tiveram de enfrentar 62 dias, com pequenos exercícios táticos “que levam os estudantes aos seus limites físicos e mentais, obrigando-os a operar em condições mínimas de alimentação e sono”, explica o comunicado.



nm