Toyota Mirai eleito automóvel mais revolucionário da década



O Centro de Gestão Automóvel sediado na Alemanha, seleccionou, de um leque de mais de 8 mil inovações dos últimos 10 anos, as 100 mais revolucionárias inovações no mundo automóvel. O Toyota Mirai foi o vencedor.

Os critérios da avaliação têm em conta a importância que estes veículos trazem para o setor, tais como a mobilidade verde e a inovação ao longo dos anos. A partilhar o pódio com o Tesla Model S que levou a medalha de prata e o Toyota Prius PHEV que se contentou com a de bronze, o Toyota Mirai foi eleito o automóvel mais revolucionário da década. Esta berlina da marca japonesa é o primeiro carro movido a hidrogénio à venda no mercado, percorre 483 quilómetros sem precisar de reabastecer.


O Toyota Mirai representa ainda uma nova era na indústria automóvel. Mercados como o Reino Unido, Bélgica, Dinamarca e Alemanha serão os primeiros e, possivelmente, dos poucos países europeus a receber este modelo.

Vê aqui a lista dos 10 seleccionados:



RazaoAutomovel