1. #1
    Avatar de Lordelo
    Registo
    Aug 2007
    Idade
    69
    Posts
    10.537

    Padrão Não sabe conduzir mas pegou no carro e salvou amigo

    Rúben Esteves, 17 anos, anda praticamente sem dormir desde a noite de terça-feira, em que o seu amigo Pedro Cavalheiro, com 18, foi esfaqueado, por um colega um ano mais novo.




    Rúben acompanhava-o quando tudo aconteceu, junto a um café na freguesia de Meadela, Viana do Castelo, e, muito provavelmente, salvou-lhe a vida quando foi em seu socorro, juntamente com a namorada e um outro amigo. Ao JN contou como tudo aconteceu.

    "Ele deitou-se num muro, com as mãos a agarrar a barriga, e disse-me: "Ajuda-me, mano, não quero morrer assim". Aí percebi que era mesmo grave. Comecei a correr, peguei no carro e não pensei em mais nada. Não podia esperar pela ambulância", recorda Rúben. Pedro tinha a zona abdominal rasgada em forma de "L" e desfalecia. Os amigos ligaram a pedir socorro, mas o estado dele assustou-os de tal maneira que Rúben, mesmo sem carta de condução, pôs-se ao volante do automóvel do amigo e arrancou para o hospital de Viana do Castelo sem pensar duas vezes. "Ouvem-se tantos casos em Portugal de pessoas que morrem porque o socorro chega uma hora ou hora e meia depois...", justifica.

    IN:JN

  2. #2
    Avatar de PSonic
    Registo
    Feb 2007
    Idade
    34
    Posts
    5.932
    Teve sorte, se o amigo morresse durante a viagem ia ter sérios problemas com a lei.
    Podia ser alvo de acusações como homicídio involuntário, negligência, entre outros. A falta de habilitação para conduzir seria o menor dos problemas. Penso que a lei obriga o contacto sempre para o 112 e nunca usar o veículo próprio como se fazia à uns anos.

    Compreendo a angústia e a vontade de deixar o amigo o mais rapidamente possível no hospital, mas com a Inem há logo um tratamento inicial. Mas entendo, pois o tempo de espera podia ser o mesmo do tempo de viagem indo directo a Urgência, minutos esses que podem fazer toda a diferença, são decisões muito complicadas num momento de aflição.

    Felizmente correu tudo bem.

  3. #3
    Avatar de Luz Divina
    Registo
    Dec 2011
    Idade
    55
    Posts
    5.992
    Citação Postado originalmente por PSonic Ver Post
    Teve sorte, se o amigo morresse durante a viagem ia ter sérios problemas com a lei.
    Podia ser alvo de acusações como homicídio involuntário, negligência, entre outros. A falta de habilitação para conduzir seria o menor dos problemas. Penso que a lei obriga o contacto sempre para o 112 e nunca usar o veículo próprio como se fazia à uns anos.

    Compreendo a angústia e a vontade de deixar o amigo o mais rapidamente possível no hospital, mas com a Inem há logo um tratamento inicial. Mas entendo, pois o tempo de espera podia ser o mesmo do tempo de viagem indo directo a Urgência, minutos esses que podem fazer toda a diferença, são decisões muito complicadas num momento de aflição.

    Felizmente correu tudo bem.

    Tens toda a razão amigo, aqui foi um jogo com um pau de dois bicos e a sorte bafejou-o.

Tópicos Similares

  1. E se o volante do carro disser que não pode conduzir?
    Por andreacfc no fórum Nacionais
    Respostas: 0
    Último Post: 24-09-2015, 09:02
  2. Pai pegou fogo ao carro com filhas lá dentro
    Por kokas no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 26-08-2013, 15:25
  3. Pegou no carro dos pais e atropelou seis pessoas
    Por Mr.T @ no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 08-07-2008, 08:28
  4. Legalizar carro em portugal e conduzir na alemanha: Pergunta
    Por [email protected]™ no fórum Dúvidas, questões e debates sobre:
    Respostas: 14
    Último Post: 03-06-2008, 10:35
  5. Conduzir carro em duas rodas
    Por rafa11 no fórum Videos
    Respostas: 0
    Último Post: 06-12-2007, 22:52

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar