Já não é a primeira vez que esta pessoa faz algo semelhante.



Um homem de 34 anos foi esta quinta-feira condenado a pena de prestação de serviço público após ter saltado de paraquedas do Aqueduto das Águas Livres, em Lisboa, informa a PSP em comunicado.Na base da condenação está o facto de o homem se ter introduzido "em lugar vedado ao público"."Uma patrulha da PSP que se encontrava junto da estação de Campolide, visualizou um homem a saltar de paraquedas do aqueduto das águas Livres, tendo aterrado num local próximo", escreve a Polícia de Segurança Pública.O suspeito, na terça-feira, saltou "para local próximo à Avenida Calouste Gulbenkian, colocando a sua vida em risco bem como a de condutores" que circulavam na zona, descreve a PSP, que após a detenção apreendeu ainda o equipamento utilizado.Hoje foi presente a juiz, na secção de pequena criminalidade. Até por já ter antecedentes de atos semelhantes, foi condenado a "prestação de serviço de interesse público".


dn