«O FC Porto não precisava de um lance destes para ganhar» - Jorge Simão

Jorge Simão contestou a legalidade do segundo golo do FC Porto, apontado por Layún, de grande penalidade, reclamando uma falta que terá ficado por assinalar a favor do Paços de Ferreira na génese do lance.

«Não há vitórias morais. Mas ao sétimo jogo no Dragão o FC Porto sofre um golo e acaba a `queimar´ [tempo] e a retardar o início do jogo. São sinais de que colocámos o FC Porto em sentido. Marcámos cedo, depois o FC Porto assumiu o jogo, criando-nos dificuldades pontualmente. Numa fase em que o jogo estava controlado, morno, aparece aquele lance… que é precedido de falta clara. O FC Porto não precisaria de um lance destes para ganhar o jogo», afirmou o treinador dos pacenses, em declarações à Sport TV.

«Acabámos o jogo com muita saúde e muita vontade de mudar o rumo dos acontecimentos», salientou Jorge Simão.