«Queremos demonstrar que o Tondela está firme e vai ficar na Liga» - Petit

Petit permanece confiante de que vai ser possível manter o Tondela na Liga. Na antevisão ao jogo de amanhã em Coimbra, frente à Académica, o treinador manteve o mesmo discurso otimista desde que chegou ao comando técnico da equipa.

Nos dois últimos jogos em casa, a Académica ganhou em casa ao União da Madeira e ao Belenenses. «Sabemos que vai ser um jogo difícil, mas vamos estar preparados porque a nossa equipa tem aumentado os índices de confiança. Nos últimos três dias trabalhámos para amanhã fazer um grande jogo», lembra.

Petit considera que a sua equipa tem aumentado o caudal ofensivo, criando muitas oportunidades de jogo para jogo. Só lamenta as condições climáticas dos quatro jogos que já realizou, que foram todos jogados sob chuva intensa, mas, apesar disso, acredita que os seus jogadores estão confiantes para dar uma boa resposta.

Analisando o impedimento de alguns atletas em poder dar o seu contributo à equipa do lado da Académica, considera que isso até pode ser mau para a sua equipa: «No espaço de uma semana vão ser três jogos. Os jogadores querem dizer ao treinador que podem contar com eles e esses por vezes podem dar uma boa resposta», avisa.

Petit acredita que será possível ver em Coimbra «um Tondela forte, com grande intensidade, sempre à procura de criar perigo e fazer golos». «Sinto um prazer enorme em levantar-me e vir trabalhar com os jogadores porque vejo que estão a melhorar todos os dias», afirma.

Petit diz que terminou a sua carreira sem aprender tudo e por isso é que todos os dias continua a despertar o prazer e alegria nos seus atletas de jogar futebol. «O plantel está a acreditar que pode sair desta situação», confia.

O treinador não se arrepende da opção que tomou em vir para o Tondela e diz que os treinadores e os jogadores não devem viver com arrependimento, mas sim com a certeza de que quando vão para algum clube devem ter confiança em si próprios e saber o valor que têm.

«Sempre disse que o Tondela era um desafio diferente. Quero provar que vou conseguir que o Tondela fique na Liga», concluiu.