Especialistas dizem que não há diferença entres os xaropes para a tosse e que a distinção entre os para a tosse seca e para a tosse com expetoração é apenas um ‘estratagema’ do marketing.


Especialistas dizem que não há diferença entres os xaropes para a tosse e que a distinção entre os para a tosse seca e para a tosse com expetoração é apenas um ‘estratagema’ do marketing.

Uma nova revisão de estudos concluiu que não há necessidade de comprar xaropes específicos para tosse seco e tosse com expetoração.

De acordo com um especialista em problemas respiratórios, todas as tosses comuns têm a mesma causa e podem ser tratadas com apenas um medicamento.

O professor Alyn Morice, da Universidade de Hull e principal autor da revisão de estudos, destaca: "Estas categorias arbitrárias [tosse seca e tosse com expetoração] baseiam-se no que antes era uma boa prática para o tratamento da tuberculose e da bronquite crónica”. Mas, segundo o especialista já não têm lugar no mundo real moderno onde ninguém com tosse aguda se deixa ‘afogar’ na própria expetoração.

"Do ponto de vista do marketing, é uma estratégia sólida, mas, de um ponto de vista científico, está desatualizado".

Acrescenta ainda, segundo reporta o Daily Mail, que, em termos de infeções agudas do trato respiratório, há pouca diferença entre uma tosse seca e uma que produz expetoração.

IN:NM