O seu grande desejo é perder peso? Não devia ser. O que devia querer perder é o excesso de gordura e não peso.



Pode parecer estranho mas perder peso não é sinónimo de emagrecimento e vice-versa.


Confuso? Quando perde peso significa que perdeu massa muscular e isso não significa emagrecimento, pois emagrecer é perder o excesso de gordura.

A Dra. Esthela Oliveira Conde conta à edição brasileira da revista Marie Claire que perder peso pode não ser bom sinal e que é um perigo querer ver o ponteiro da balança a baixar. Avaliar apenas o peso perdido não é de todo um bom parâmetro para avaliar o emagrecimento.

Na balança “pesa-se a gordura, o líquido corporal, a massa muscular, os órgãos, os ossos, a pele, ou seja, tudo que compõe o corpo”, explica a especialista. Quando começa a treinar, o peso pode aumentar devido ao aumento de massa muscular e quando se deixa de treinar o aposto acontece, `s custas da perda de massa muscular.

Perder peso às custas da diminuição da massa muscular não só indica que não emagreceu nada como provoca envelhecimento precoce e alterações hormonais e metabólicas que podem dificultar o seu desejo de emagrecer.

Quanto mais massa muscular tiver mais acelerado será o seu metabolismo, ou seja, queimará mais gordura e energia rapidamente, fazendo com que tenha menos probabilidade de acumular gordura.

Se quer emagrecer, mais do que saber o seu peso, deve procurar saber qual é a sua composição corporal e tentar a partir daí reduzir a percentagem de massa gorda e aumentar e manter a percentagem de massa muscular.

IN:NM