Dias quentes de verão são simplesmente deliciosos para uma boa diversão na água.
Não tem coisa melhor do que passar o dia se refrescando da melhor forma possível.
Só que as pessoas que possuem algum tipo de restrição física ou mental
não conseguem aproveitar um parque aquático de forma plena, pois mesmo com todas
as adaptações, se deparam com várias limitações. Mas pra tudo tem solução!





O parque oferece uma cadeira de rodas especial que foi desenvolvida em conjunto
com a Universidade de Pittsburgh, a PneuChairA cadeira é automática e, no lugar da bateria
usa ar comprimido para se mover, tornando-se barata para produzir e à prova d’água.



Para que as crianças não se percam de seus pais, são oferecidas pulseiras
com localizadores para que possam ser facilmente encontradas



Para aquelas pessoas que possuem transtornos que as deixam inquietas em multidões,
o parque oferece locais mais afastados, sossegados e silenciosos





Os fundadores se qualificam como “o primeiro parque acessível do mundo”
Afinal, muitos possuem diversos sistemas de adaptação, mas
esse é o primeiro feito especialmente para pessoas com deficiência
s



Gordon Hartman é o principal fundador, e fez tudo com sua filha Morgan, de 23 anos,
que tem deficiência e ajudou muito nas escolhas para a criação desse lugar tão especial!