Com o intuito de explicar se os homens e mulheres têm uma natural predisposição erótica que os faça preferir ter sexo de manhã, à tarde ou à noite, a sexóloga Francisca Molero esclarece que não há uma generalização que divirja as preferências de cada sexo.

Contudo, e gostos à parte, parece ser a manhã a altura do dia mais propícia às relações sexuais, segundo Megan Fleming, que aponta quatro motivos para sustentar a ideia. Para começar, é pela manhã que estamos relaxados, aspeto essencial para que se atinja o orgasmo, aponta a especialista.

Além disso, o cérebro ainda não está com a agitação do dia a dia, que lhe enche a mente sobre o trabalho, o que tem de fazer a seguir ou os problemas que ainda não resolveu. Mesmo que não pense diretamente nestes assuntos durante o ato, a sua mente não esta completamente relaxada o que deve acontecer, tal como com corpo.

Outro motivo porque deve começar o dia com sexo associa-se à boa disposição que tal garante: o orgasmo é uma forma natural de libertação de neurotransmissores e produtos químicos que deixam o ser humano bem disposto. Começar o dia com tais hormonas é por isso a melhor forma de garantir energia e bom humor para todo o dia.

Além disso, é uma forma de sair da rotina. O sexo é comummente visto como uma atividade noturno, mas não deve cingir-se a esta altura do dia sendo que, por vezes, acontece um dos membros da relação estar bastante cansado e por isso não querer ter relações, o que pode fazer com que o casal entre numa rotina monótona e de pouca comunicação.

IN:NM