Avatar X - Japão vai construir avatares robóticos para exploração espacial


Clique na imagem para uma versão maior

Nome:	         avatar-espacial.jpg
Visualizações:	1
Tamanho: 	90,1 KB
ID:      	155333
Os testes começarão na Estação Espacial Internacional, com previsão de chegada à Lua e a Marte.
Imagem: Jaxa

X Avatares

A JAXA, agência espacial japonesa, em parceria com universidades, institutos de pesquisa e empresas, lançou um projecto destinado a criar avatares robóticos espaciais.

O projecto, batizado de Avatar X, pretende criar robôs espaciais avançados, que serão controlados por humanos na Terra num ambiente de imersão total.

Segundo a JAXA, serão "avatares do mundo real, que permitirão, que os humanos construam remotamente acampamentos na Lua, apoiem missões espaciais a longo prazo e explorem ainda mais o espaço, à distância."

Para isso, serão desenvolvidas três linhas de pesquisa e desenvolvimento, com orientação eminentemente prática:
- Construção remota no espaço, incluindo as superfícies da Lua e de Marte
- Operação e manutenção de estações e instalações espaciais a partir da Terra
- Entretenimento baseado no espaço e viagens para o público em geral.

Para cima e avante

Estabelecidos os parceiros, públicos e privados, o projecto Avatar X vai entrar agora na segunda fase, que envolverá a construção de um laboratório na cidade de Oita, chamado Avatar X Lab@OITA.

O laboratório já contará com toda a infraestrutura de telecomunicações, para que os protótipos de robôs avatares sejam testados em condições reais no espaço.

A terceira fase do projecto deverá começar em 2020, já com o laboratório pronto, consistindo no envio para o espaço dos primeiros protótipos, inicialmente a bordo do laboratório japonês Kibo, na Estação Espacial Internacional.

"Uma vez que as capacidades dessas novas tecnologias sejam confirmadas no ambiente espacial, a quarta fase começará.
A fase quatro envolverá a implementação da tecnologia Avatar X para começar a construir e explorar ainda mais a Lua, Marte e além," afirmou a JAXA.
SIT