Acordar e ver o sol a raiar. Como não acordar bem disposto assim, não é verdade? Pois bem, se quer manter essa boa disposição, o melhor mesmo é ficar-se pelos estores e não se atrever a abrir a janela. Isto porque se o sol deste fim de semana lhe faz lembrar um bonito dia de primavera, o mesmo não se poderá dizer das temperaturas que se farão sentir e que são típicas de um dia de Inverno.

Este sábado, por exemplo, o céu estará pouco nublado ou limpo em todo o país, mas com o fim do dia a chegar, o arrefecimento será acentuado.

Na melhor das hipóteses, as temperaturas máximas em Faro, Lisboa e Porto podem chegar aos 18º, 14º e 15ºC respetivamente, sendo Guarda e Vila Real os distrito com as temperaturas mais baixas, com uma máxima de 9ºC e 11ºC, e uma mínima de 0º e -1º, respetivamente.

Nos restantes distritos, o cenário será o seguinte: Coimbra, Castelo Branco, Aveiro e Viana do Castelo, com 13ºC; Beja, Portalegre, Santarém, Viseu e Bragança com 14ºC; Setúbal, Évora, e Braga com 15ºC; e Leiria com 17ºC.

Já quanto às temperaturas mínimas, a norte do país, os termómetros chegam a valores negativos com Braga, Bragança e Vila Real a chegarem aos -1ºC. Leiria, Castelo Branco e Viseu atingem 1ºC, enquanto Viana do Castelo e Aveiro ainda chegam aos 2ºC. Os restantes distritos variam entre os 4º e os 8ºC.

O dia de hoje caracteriza-se, ainda, por vento em geral fraco, soprando por vezes moderado (até 35 km/h) nas terras altas das regiões Norte e Centro, como indica o Instituto Português do Mar e Atmosfera. No interior, haverá tendência para a formação de geada, em especial no interior, e com o frio que se faz sentir durante a noite, não é de admirar que acorde com neblina ou nevoeiro em especial em vales e terras baixas.

Para domingo, o cenário não será muito diferente. As temperaturas máximas voltam a a oscilar entre os 13ºC e os 18ºC. Guarda volta a ser o distrito mais frio (9ºC), seguindo-se Aveiro, Vila Real e Bragança (13ºC); Setúbal, Coimbra, Viseu (14ºC); Beja, Portalegre, Santarém, Lisboa, Leiria (15ºC); Évora e Porto (16ºC); Castelo Branco, Braga (17ºC) e, por fim, o distrito mais quente Faro (18ºC).

IN:NM