Por cá, o Banco de Portugal começará a reter estas notas a partir de 27 de janeiro.
Bancos centrais vão retirar de circulação notas de 500 euros






As notas de 500 euros vão começar a ser retiradas de circulação como parte dos esforços do Banco Central Europeu (BCE) para combater atividades ou operações ilícitas. Deste modo, até ao final do mês os respetivos bancos centrais de cada país vão começar a retirar estas notas do mercado, à execeção da Alemanha e da Áustria.

Por cá, o Banco de Portugal (BdP) será a instituição responsável por este processo, que segundo o jornal El País se trata de uma forma de evitar "atividades ilícitas", tais como o branqueamento de capitais ou a fuga ao Fisco.

De acordo com dados citados pelo mesmo jornal, na Europa circulam 521 milhões de notas de 500 euros, que serão retiradas do mercado já a partir do dia 27 de janeiro.

No entanto, as notas de 500 euros não vão perder valor, pelo contrário, apenas serão retidas na hora em que cheguem à mão de um banco central.

As notas de 500 euros representam agora 2,4% do número de notas em circulação, mas representam 21,7% do valor acumulado em numerário.

IN:NM