E você onde guarda os ovos? Muitos indivíduos optam por armazená-los no frigorífico, enquanto que outros deixam o ambiente à temperatura ambiente… mas será que um destes métodos é mais correto?



De acordo com o British Egg Information Service, instituto de pesquisa especializado em ovos, o frigorífico é sem dúvida alguma o melhor local para preservar os ovos.

Adicionalmente, os especialistas da Bristol University’s School of Veterinary Science, Rosamund Baird e Janet Corry, concordam igualmente com essa ideia.

De acordo com os especialistas, caso os ovos estejam contaminados com salmonela, por exemplo, a temperatura ambiente pode fazer com que as bactérias se multipliquem. É impossível descobrir qual dos ovos está contaminado, pois não há mudança de cor, cheiro ou consistência.

Já na opinião de Tim Hayward, apresentador de um programa de rádio na BBC, o ovo fresco conserva-se durante cerca de uma semana à temperatura ambiente.

Todavia, o British Egg Information Service contesta essa inferência: os ovos necessitam de estar constantemente a uma temperatura de 20º C. Essa temperatura é mantida nos supermercados, devido ao uso do ar-condicionado.

Adicionalmente, o jornal britânico Daily Mail resolveu entrar no debate e realizar o seu próprio teste com dois mil ovos que foram submetidos a diferentes temperaturas, no período de um mês, para descobrir se a qualidade era mantida. No referido teste, um lote foi mantido à temperatura ambiente e outro no frigorífico a uma temperatura de 6º C.

Os especialistas analisaram se havia presença de bactérias, como E.coli, Staphylococcus aureus, Salmonella, Listeria,entre outras.

E o resultado da pesquisa foi conclusivo. Não se registou qualquer diferença entre os dois lotes – o que foi mantido no frigorífico e o que permaneceu à temperatura ambiente.

Nenhum sofreu com bactérias. “Não existe vantagem alguma em manter os ovos no frio”, disse o diretor da FoodTest, que realizou a experiência. A única ressalva é que os testes foram realizados num país com um clima mais frio… pelo menos comparativamente a Portugal.

IN:NM