Uma criança ligou para a polícia de Lafayette, no Indiana, EUA, para dar conta de que tinha tido "uma mau dia" e que precisava de ajuda com os seus trabalhos de casa.

A chamada foi atendida por Antonia Bundy, mulher a quem têm sido tecidos rasgados elogios pela forma como lidou com o inesperado pedido de ajuda.

O rapaz, que não foi identificado, estaria a ter dificuldades com um exercício de matemática sobre fracções que definiu como sendo "muito difíceis".

Antonia fez aquilo que é a sua missão - ajudar os cidadãos - e com toda a calma ajudou a criança a fazer os ditos trabalhos. No final, o menino pediu desculpa "pelo incómodo", mas salientou que "precisava mesmo de ajuda".

A polícia de Lafayette refere que são muitas as chamadas que recebem, algumas bastante estranhas, mas esta foi a primeira vez que receberam um pedido de ajuda para fazer trabalhos da escola.

IN:NM