Mais de 160 mil pessoas receberam esta quarta-feira mensagens de texto no telemóvel relativa ao do Dia dos Namorados, nos Estados Unidos. As SMS chegaram oito meses depois e causaram alguns constrangimentos.

Receber, em novembro, uma mensagem de um ex-namorado (a) ou de um familiar que já faleceu a desejar um bom Dia dos Namorados é um acontecimento insólito e estranho. Tudo não passou afinal de uma anomalia de um servidor de telecomunicações da Syniverse, que presta serviço para várias operadoras móveis norte-americanas, e que terá enviado várias mensagens com atraso de oito meses.

"Acabei de receber uma mensagem de telemóvel da minha melhor amiga, o único problema é que ela está morta desde fevereiro", disse uma cliente no Twitter, citada pela BBC. Outras pessoas queixam-se que a mensagem de texto que receberam não era sequer deste ano, mas sim de há dois anos.

E há quem diga que nunca enviou qualquer SMS do Dia dos Namorados, mas foi no entanto confrontado com mensagens da sua autoria enviadas a outras pessoas. Os telemóveis que receberam estes conteúdos têm sistemas operativos da Apple e da Android e fazem parte de operadoras como T-Mobile, AT&T, Sprint e Verizon.

A Syniverse, responsável pelo envio das mensagens, já veio pedir desculpa aos utilizadores, explicando que um servidor avariou nesse dia e só agora foi reiniciado, motivando o envio das mensagens que tinham ficado gravadas como não enviadas. Cerca de 168 mil clientes foram afetadas por esta anomalia.




IN:JN