Um cão incendiou a cozinha de uma casa em Essex, no Reino Unido, quando conseguiu de alguma forma ligar o micro-ondas. Segundo o departamento de bombeiros local, o alerta para o pequeno fogo, numa habitação em Stanford-Le-Hope, foi dado na manhã de segunda-feira.

Os bombeiros descobriram que as chamas tinham começado na cozinha quando o cão do dono da casa, um husky, ligou o micro-ondas fazendo com que uma embalagem de plástico com pão que se encontrava no interior começasse a arder.

O proprietário da habitação não se encontrava em casa no momento do incêndio, mas conseguiu alertar as autoridades quando viu o fumo através das câmaras de segurança que mantém ligadas em direto numa aplicação do seu telemóvel.

Quando chegaram ao local, os bombeiros encontraram a cozinha coberta de fumo, mas o animal não ficou ferido. "Claramente isto é um incidente muito estranho e poderia ter sido mais sério", disse Geoff Wheal, do quartel de bombeiros de Corrigham à BBC.

"Os bombeiros asseguraram-se de que os danos não se propagavam para além da área da cozinha, mas isto demonstra que os micro-ondas não devem ser usados para guardar comida quando não estão a ser utilizados", acrescentou ainda.


IN:NM