A ANSR lançou a campanha “Novos Sinais, maior segurança”, que tem como objetivo divulgar o novo Regulamento de Sinalização do Trânsito (RST). Os novos sinais entram em vigor já no próximo dia 20 de abril de 2020.

A campanha, a decorrer entre os dias 14 e 20 de abril, irá dar a conhecer os novos sinais, entre os quais se destacam aqueles que vêm introduzir uma melhoria na segurança rodoviária dos utilizadores vulneráveis.


Fique a conhecer alguns dos novos sinais.





A partir do próximo dia 20 de abril entrará em vigor a primeira grande revisão ao Regulamento de Sinalização do Trânsito (RST) aprovado pelo Decreto Regulamentar n.º 22 -A/98, de 1 de outubro. Este novo regulamento visa o aperfeiçoamento e a atualização da sinalização rodoviária em conformidade com o Código da Estrada e em alinhamento com o Plano Estratégico Nacional de Segurança Rodoviária — PENSE 2020.


Esta revisão do Regulamento, segundo a ANSR, introduz o sinal H46 – Zona residencial ou de coexistência – que indica a entrada numa zona de coexistência, concebida para a utilização por peões e veículos, onde vigoram regras especiais de trânsito estabelecidas no Código da Estrada, nomeadamente no seu art.º 78º – A.





A definição destas zonas deve observar os princípios e regras de dimensionamento constantes no Manual de apoio às “Zonas Residenciais ou de Coexistência”, elaborado e aprovado pela ANSR, em cumprimento da medida, A14.62 do PENSE2020, que contempla também o Manual de apoio à implementação de “Zonas 30”. A implementação destas zonas, de uma forma tecnicamente suportada, contribui para a melhoria da segurança rodoviária dentro das localidades, nomeadamente dos utilizadores vulneráveis.





Foram também introduzidos novos sinais de informação, novos símbolos de indicação turística, geográfica, ecológica e cultural, bem como a representação gráfica dos sinais dos condutores, dos agentes reguladores do trânsito e dos sinais luminosos.




NP