Além da autonomia por carregamento, as baterias de carros elétricos também costumam ser alvo de críticas devia ao envelhecimento. Com a utilização, estas baterias têm a sua capacidade reduzida ao longo dos anos mas esse não parece ser o caso da nova bateria desenvolvida pela Contemporary Amperex Technology Co. Ltd. (CATL).

Diz a Bloomberg que esta empresa foi capaz de desenvolver uma bateria capaz de manter a sua carga original durante cerca de 2 milhões de quilómetros. Trata-se de uma evolução considerável, sobretudo tendo em conta que as baterias de hoje em dia mantêm a sua carga durante apenas 320 mil quilómetros.

Ainda que o projeto esteja ainda em desenvolvimento, esta bateria já terá cativado o interesse de Elon Musk, fundador e CEO da Tesla que terá visitado as instalações da CATL na China. O presidente da empresa, Zeng Yuqun, adiantou que a batera está pronta para entrar em produção em massa e garante que custará apenas 10% das baterias atuais.


IN:NM