AImprensa Nacional-Casa da Moeda, S. A. (INCM) vai cunhar e comercializar em 2021 seis moedas de coleção comemorativas de vários eventos ou efemérides, segundo uma portaria hoje publicada em Diário da República.

Segundo o documento, assinado pelo secretário de Estado do Tesouro, a INCM fica autorizada, "dentro do volume de emissão de moeda metálica aprovado pelo Banco Central Europeu, a cunhar e a comercializar, no ano de 2021, seis moedas de coleção".

No âmbito desta autorização, a INCM vai emitir uma moeda designada "Escudo de São Tomé", integrada na série "Tesouros Numismáticos Portugueses", uma moeda designada "Cavalo-marinho", integrada na série "Espécies de Animais Ameaçados" e uma moeda designada "Aristides de Sousa Mendes - Nunca Esquecer".

Também irá disponibilizar uma moeda designada "Dinheirosaurus lourinhanensis", integrada na série "Dinossauros de Portugal", bem como uma moeda designada "Arte da Laca", integrada na série "Portugal e o Oriente" e uma moeda designada "Vhils", integrada na série "Arte Contemporânea Urbana".


IN:NM